Mostrar 99 resultados

Descrição arquivística
Capacitação
Previsualizar a impressão Ver:

99 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Ata da 17ª sessão do Conselho Universitário

Expediente:
Ata da 16ª Sessão foi aprovada com observações; Foram lidos os seguintes Processos: Proc. 75/62 - Conselho Federal de Educação envia parecer sobre o Estatuto da Universidade de Santa Maria; Proc. 73/62 - Instituto de Patologia faz indicação do Acad. Aventino Alfredo Agostini; Proc. 74/62 - Instituto de Anatomia remete Regimento Interno; Proc. 77/62 - Instituto de Física solicita autorização para realizar curso extraordinário de atualização cultural. Após dispensa do interstício Regimental, passou a ordem do dia; Proc. 81/62 - Instituto de Histologia, Embriologia e Genética, remete Regimento Interno.
Ordem do dia: Discutidos e votados os seguintes processos: Proc. 78/62 - Parecer n. 36/62 - Assunto: Abre credito especial para atender despesas com diversos órgãos universitários. Decisão: Aprovado; Proc. 79/62 - Parecer s/n. - Assunto: Alunos da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Imaculada Conceição, solicita medidas cabíveis na conjuntura da vida universitária presente. Decisão: Aprovado o parecer da Comissão; Proc. 67/62 - Parecer s/n. - Assunto: Exames de habilitação na Escola de Enfermagem Nossa Senhora Medianeira (normas). Parecer: Deve ser aprovado por estar de acordo com as leis de ensino em vigor; Proc. 64/62 - Parecer n. 35/62 – Assunto: Instituto de Solos e Culturas – sugestões para o convênio entre a Universidade de Santa Maria e Universidades Europeias. Decisão: Aprovado o parecer; Proc. 77/62 - Instituto de Física solicita autorização para realizar curso extraordinário de atualização cultural. Decisão: Aprovado o parecer oral emitido pela Comissão; Proc. 80/62. Assunto: Regimento Interno da Universidade de Santa Maria. Decisão: Aprovado com sugestão de correções e modificações; Compromisso de Posse do acadêmico Luiz Menna Barreto Pellegrini, como membro do Conselho Universitário, na qualidade de substituto do acadêmico Carlos Renam Kurtz, Presidente da FEUSM.

Conselho Universitário

Ata da 21ª sessão do Conselho Universitário

Submetida à aprovação, a ata da 13ª Sessão, não foi aprovada visto apresentar omissões. Apontadas por diversos Conselheiros, decidiu o senhor Reitor, que a referida Ata fosse refundida novamente.
A Ata da 20ª Sessão, depois de apreciada e discutida, foi aprovada com algumas retificações.
Ordem do dia:

  • Comissão de Orçamento e Regência Patrimonial:
  • Proc. 1/63 - Parecer 44/63 - Assunto: Irmãos Behr solicitam que não seja desapropriada a área de 40ha, parte da área total de 128.3143ha de propriedade dos mesmos. Parecer que a solicitação dos irmãos Behr deva ser aceito pelo Egrégio Conselho Universitário.
  • Proc. 9/63 - Parecer 46/63. Assunto: Irmãs Behr solicitam o pagamento de 80% do valor das glebas 6 e 8 desapropriadas. A Comissão é de parecer de que poderá a Universidade de Santa Maria efetuar o pagamento dos 80% solicitados, desde que receba documento declarando que a mesma poderá entrar na posse das glebas 6 e 8, a partir da data o pagamento dos 80% solicitados. Parecer aprovado.
  • Proc. 8/63 - Parecer 45/63 - Assunto: Balanços Gerais da Universidade de Santa Maria. O parecer é de que os Balanços Gerais da Universidade de Santa Maria, relativos ao exercício de 1962, estão em condições de merecer a aprovação do Egrégio Conselho Universitário.
  • Proc. 11/63 - Parecer oral - Assunto: Curso do Cnt. Ruy Santos. A Comissão prova os expedientes e encarece o interesse do curso para os professores da Universidade de Santa Maria e em todas as suas Unidades.
    Anteprojetos de Regimentos Internos dos Institutos. Foi aprovada a proposta de que os institutos se regerão pelas Normas Gerais dos Institutos da Universidade até que venha a ser aprovado o Estatuto da Universidade de Santa Maria.

Conselho Universitário

Ata da 22ª sessão do Conselho Universitário

Ordem do dia:
Comissão de Orçamento e Regência Patrimonial:

  • Proc.13/63 - Parecer 48/6 - Assunto: A firma Estacas Franki Ltda propõe o embasamento do Hospital Regional de Alimentos. Aprovado parecer da Comissão de que os preços apresentados pela Firma Franki Ltda são negociáveis, podendo o Egrégio Conselho Universitário permitir a aceitação da proposta em apreço.
  • Proc. 15/63 - Parecer Geral - Assunto: Divisão de Pessoal apresenta sugestão no sentido do aproveitamento da importância de dez milhões de cruzeiros do Fundo Universitário. Depois de apreciado e discutido em plenário, a Comissão foi de parecer favorável à aprovação da sugestão.
  • Proc. 16/63 - Parecer Geral - Assunto: Faculdade de Farmácia propõe a realização de um curso de Cromatografia a ser ministrado pelo prof. Erwino Weigert. Parecer Aprovado.
  • Proc. 17/63 - Parecer Oral. Assunto: Faculdade de Medicina solicita licença, sem prejuízo de vencimentos, ao Prof. Alberto Schmidt, para que realize estágio no Instituto de Histologia da Universidade de São Paulo. Parecer Aprovado. O processo, entretanto, foi para a Comissão de Orçamento e Regência Patrimonial para emitir parecer.
  • Proc. 14/63 - Parecer Oral. Assunto: Contrato de locação com a Imobiliária Imembuy para locação de um apartamento. A Comissão de Orçamento e Regência Patrimonial é de parecer que o contrato com a firma Imobiliária Imembuy Ltda, poderá ser feito com a U.S.M, voltar o assunto ao Conselho Universitário para reexame e novo pronunciamento.
  • Proc. 6/63 - Parecer 47/63 - Assunto: A Direção da Associação Protetora do Hospital de Caridade Dr. Astrogildo de Azevedo, através do processo n. 3.766 (Reitoria), solicita a renovação do convênio que deverá vigorar em 1963. A Comissão de Orçamento e Regência Patrimonial é de parecer que seja renovado o convênio com o Hospital de Caridade Dr. Astrogildo de Azevedo. Aprovado Parecer.

Conselho Universitário

Curso para Operários de Obras da UFSM ministrado pelo SENAI

O Departamento de Planejamento e Obras da UFSM proporcionava atividades de aperfeiçoamento de pessoal aos seus operários. Aos mestres de obras foi ministrado, por engenheiros do setor, com orientação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), um curso de treinamento, envolvendo noções sobre técnica das construções, relações humanas e segurança no trabalho. O objetivo era dar condições para obterem uma atividade definida dentro das categorias profissionais, auxiliando assim, aos operários mais necessitados, aprimorando a mão de obra disponível e aumentando o padrão de vida do povo brasileiro. Participaram onze mestres de obra em 1969 e quatorze em 1970.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso para Operários de Obras da UFSM ministrado pelo SENAI

O Departamento de Planejamento e Obras da UFSM proporcionava atividades de aperfeiçoamento de pessoal aos seus operários. Aos mestres de obras foi ministrado, por engenheiros do setor, com orientação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), um curso de treinamento, envolvendo noções sobre técnica das construções, relações humanas e segurança no trabalho. O objetivo era dar condições para obterem uma atividade definida dentro das categorias profissionais, auxiliando assim, aos operários mais necessitados, aprimorando a mão de obra disponível e aumentando o padrão de vida do povo brasileiro. Participaram onze mestres de obra em 1969 e quatorze em 1970.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso para Operários de Obras da UFSM ministrado pelo SENAI

O Departamento de Planejamento e Obras da UFSM proporcionava atividades de aperfeiçoamento de pessoal aos seus operários. Aos mestres de obras foi ministrado, por engenheiros do setor, com orientação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), um curso de treinamento, envolvendo noções sobre técnica das construções, relações humanas e segurança no trabalho. O objetivo era dar condições para obterem uma atividade definida dentro das categorias profissionais, auxiliando assim, aos operários mais necessitados, aprimorando a mão de obra disponível e aumentando o padrão de vida do povo brasileiro. Participaram onze mestres de obra em 1969 e quatorze em 1970.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso para Operários de Obras da UFSM ministrado pelo SENAI

O Departamento de Planejamento e Obras da UFSM proporcionava atividades de aperfeiçoamento de pessoal aos seus operários. Aos mestres de obras foi ministrado, por engenheiros do setor, com orientação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), um curso de treinamento, envolvendo noções sobre técnica das construções, relações humanas e segurança no trabalho. O objetivo era dar condições para obterem uma atividade definida dentro das categorias profissionais, auxiliando assim, aos operários mais necessitados, aprimorando a mão de obra disponível e aumentando o padrão de vida do povo brasileiro. Participaram onze mestres de obra em 1969 e quatorze em 1970.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso para Operários de Obras da UFSM ministrado pelo SENAI

O Departamento de Planejamento e Obras da UFSM proporcionava atividades de aperfeiçoamento de pessoal aos seus operários. Aos mestres de obras foi ministrado, por engenheiros do setor, com orientação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), um curso de treinamento, envolvendo noções sobre técnica das construções, relações humanas e segurança no trabalho. O objetivo era dar condições para obterem uma atividade definida dentro das categorias profissionais, auxiliando assim, aos operários mais necessitados, aprimorando a mão de obra disponível e aumentando o padrão de vida do povo brasileiro. Participaram onze mestres de obra em 1969 e quatorze em 1970.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso para Operários de Obras da UFSM ministrado pelo SENAI

O Departamento de Planejamento e Obras da UFSM proporcionava atividades de aperfeiçoamento de pessoal aos seus operários. Aos mestres de obras foi ministrado, por engenheiros do setor, com orientação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), um curso de treinamento, envolvendo noções sobre técnica das construções, relações humanas e segurança no trabalho. O objetivo era dar condições para obterem uma atividade definida dentro das categorias profissionais, auxiliando assim, aos operários mais necessitados, aprimorando a mão de obra disponível e aumentando o padrão de vida do povo brasileiro. Participaram onze mestres de obra em 1969 e quatorze em 1970.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Educação Sanitária

O Instituto de Higiene e Medicina Preventiva ofereceu curso de Educação Sanitária às professoras primárias de Santa Maria. Este foi realizado no auditório do Colégio Metodista Centenário.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Educação Sanitária

O Instituto de Higiene e Medicina Preventiva ofereceu curso de Educação Sanitária às professoras primárias de Santa Maria. Este foi realizado no auditório do Colégio Metodista Centenário.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Educação Sanitária

O Instituto de Higiene e Medicina Preventiva ofereceu curso de Educação Sanitária às professoras primárias de Santa Maria. Este foi realizado no auditório do Colégio Metodista Centenário.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Educação Sanitária

O Instituto de Higiene e Medicina Preventiva ofereceu curso de Educação Sanitária às professoras primárias de Santa Maria. Este foi realizado no auditório do Colégio Metodista Centenário.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da UFSM

O Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) foi realizado na Brigada Militar sob coordenação do Serviço de Administração de Edifícios da UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da UFSM

O Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) foi realizado na Brigada Militar sob coordenação do Serviço de Administração de Edifícios da UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da UFSM

O Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) foi realizado na Brigada Militar sob coordenação do Serviço de Administração de Edifícios da UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da UFSM

O Curso de Aperfeiçoamento de Vigilantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) foi realizado na Brigada Militar sob coordenação do Serviço de Administração de Edifícios da UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Resultados 1 a 50 de 99