Print preview Close

Showing 523 results

Archival description
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil) Eventos científicos
Advanced search options
Print preview View:

523 results with digital objects Show results with digital objects

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Travestis e Transsexuais na Educação: acesso permanência e formação

[…] onde, de fato, estão as pessoas transgêneras, transexuais e as travestis? Para contextualizar essa reflexão e ampliar o debate, o Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE UFSM - UAB), juntamente com a Pró Reitoria De Extensão Ufsm e o Coletivo Voe, realizaram o Diálogos “Travestis e transexuais na Educação: acesso, permanência e formação”.
(Debate sobre travestis e transexuais na educação será neste sábado. Disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/dialogos-debate-sobre-travestis-e-transexuais-na-e. Acesso em 23/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestra Instrumentos e Processos de Avaliação da Extensão Universitária

Fotografia de Andreas Ross.
Na palestra “Instrumentos e processos de avaliação da extensão universitária”, com o professor Fernando Setembrino Cruz Meirelles, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) rendeu debate entre o público presente, Fernando apresentou as potencialidades e deficiências da extensão universitária, além de propor possíveis soluções e deixar seus questionamentos para provocar reflexão. Em suas falas, Meirelles defende que o ato de fazer extensão requer o que chama de “Poder de desempoderamento”, onde se assume o outro como ator e se abre espaço para um processo de compartilhamento. Segundo ele, uma relação de extensão requer respeito pelo outro, e para tanto, preconceitos devem ser deixados de lado.
Ao falar do papel social, o professor aborda a necessidade de se atentar às atribuições que se dá a universidade, e enfatiza que é preciso tirar da extensão a militância, o credo, a vocação e o voluntariado. “Universidade não é ONG, a universidade é laica”, diz.
Quanto ao que se busca na extensão, aponta que cabe à ela tornar visíveis pessoas ou grupos que são invisíveis na sociedade. Defende, ainda, que as dimensões de Ensino, Pesquisa e Extensão deveriam ser indissociáveis, e que o ideal seria que tivéssemos uma Pró-Reitoria de Formação, sendo responsável por articular essas três dinâmicas. Meirelles finaliza afirmando que para se pensar em avaliar a extensão é preciso que se saiba, primeiramente, o que se pretende com ela, ou seja, quais são os seus objetivos. A partir de então será possível direcionar a extensão para uma extensão bem pensada e de qualidade, o que é o desafio das universidades. Fotografia de Andreas Ross.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Fórum de Extensão Conta - Extenda seu conhecimento!

Extenda foi uma reunião de pessoas interessadas em um mesmo tema para debate, informação e compartilhamento de opiniões, privilegiando a aprendizagem a partir da troca de ideias e experiências entre as ações de extensão da UFSM e de outras IES, associações, coletivos e interessados em geral. Foi um momento de questionamento e reflexão sobre a prática extensionista e uma oportunidade de reapreciação e redimensionamento das ações de extensão, com possibilidade de formação de novas alianças e parcerias.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestras e Minicurso da Educadora Popular Dulcineia de Fátima Ferreira

As Palestras e Minicurso da Educadora Popular Dulcineia de Fátima Ferreira 2015 ocorreram de 18 a 21 de novembro. A Pró-reitoria de Extensão recebeu a educadora popular Dulcineia de Fátima Ferreira. Dulce é docente da Universidade Federal de São Carlos, e veio a Santa Maria para ministrar um mini-curso junto ao Pré-Universitário Popular Alternativa sobre "Educação popular em Paulo Freire: reflexões atuais e releituras possíveis". Dulce proferiu uma conferência intitulada "Pensar a educação popular no contexto da educação superior atual: afinal o que pensamos sobre essa questão?", para o programa de graduação especial em formação de professores para a educação profissional e tecnológica, no Centro de Educação, e também realizou um curso de formação em educação jurídica popular sobre o tema "Educação Popular: fundamentos teóricos e métodos" para estudantes do curso de Direito da UFSM. Fotografia de Ascísio dos Reis Pereira.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Desdobramento Diálogos Saberes Indígenas e Educação

Em sua segunda edição, o Descubra UFSM, evento que tem os moldes de uma feira das profissões, proporcionou uma série de trocas sobre as experiências vividas na universidade. A entrada foi gratuita e aberta ao público em geral. Segundo o coordenador-geral do evento, Jerônimo Siqueira Tybusch, o objetivo é consolidar a marca Descubra, uma proposta inovadora na qual o protagonista é o estudante em busca de uma profissão. “Não é só uma exposição, mas um laboratório de vivências”, relata. O Descubra a UFSM é realizado pela Pró-reitoria de Graduação e pela Coperves. (UFSM convida a comunidade para compartilhar experiências, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/ufsm-convida-comunidade-para-compartilhar-experien. Acesso em 20/06/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Drogas no âmbito educacional: Redução de danos

Com o tema em discussão “Drogas no Âmbito Educacional: Redução de Danos”, o Projeto Ítaca - ERD – Escola de Redução de Danos, juntamente com Núcleo de Tecnologia Educacional da UFSM e a Pró-reitoria de Extensão, realizaram mais uma edição do evento Diálogos. A conversa trouxe a apresentação do conceito de Redução de Danos construído pelo Projeto ÍTACA, de Santa Maria. Além disso, houve a contextualização da forma com a qual os usuários de droga são tratados: sempre à margem da sociedade. O encontro também proporcionou a socialização de experiências pessoais e foi introduzido com a intervenção apresentada por Gabit box, integrante do Coletivo de Resistência Artística e Periférica (Co-rap Santa Maria). Dentre os convidados estavam: Deni Ladi - Educador em redução de danos e Produtor cultural; Douglas Casarotto de Oliveira – Psicólogo, Mestre em Educação e integrante Coordenação da Escola de Redução de Danos Ítaca; Elisandra Gimenez – Licenciada em Ciências Sociais, Especialização em dependência química e agente redutora de danos; Guilherme Corrêa, professor da UFSM licenciado em Química, antigo coordenador do Projeto Ítaca, mestre em Educação e doutor em Ciências Sociais. Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Drogas no âmbito educacional: Redução de danos

Com o tema em discussão “Drogas no Âmbito Educacional: Redução de Danos”, o Projeto Ítaca - ERD – Escola de Redução de Danos, juntamente com Núcleo de Tecnologia Educacional da UFSM e a Pró-reitoria de Extensão, realizaram mais uma edição do evento Diálogos. A conversa trouxe a apresentação do conceito de Redução de Danos construído pelo Projeto ÍTACA, de Santa Maria. Além disso, houve a contextualização da forma com a qual os usuários de droga são tratados: sempre à margem da sociedade. O encontro também proporcionou a socialização de experiências pessoais e foi introduzido com a intervenção apresentada por Gabit box, integrante do Coletivo de Resistência Artística e Periférica (Co-rap Santa Maria). Dentre os convidados estavam: Deni Ladi - Educador em redução de danos e Produtor cultural; Douglas Casarotto de Oliveira – Psicólogo, Mestre em Educação e integrante Coordenação da Escola de Redução de Danos Ítaca; Elisandra Gimenez – Licenciada em Ciências Sociais, Especialização em dependência química e agente redutora de danos; Guilherme Corrêa, professor da UFSM licenciado em Química, antigo coordenador do Projeto Ítaca, mestre em Educação e doutor em Ciências Sociais. Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Drogas no âmbito educacional: Redução de danos

Com o tema em discussão “Drogas no Âmbito Educacional: Redução de Danos”, o Projeto Ítaca - ERD – Escola de Redução de Danos, juntamente com Núcleo de Tecnologia Educacional da UFSM e a Pró-reitoria de Extensão, realizaram mais uma edição do evento Diálogos. A conversa trouxe a apresentação do conceito de Redução de Danos construído pelo Projeto ÍTACA, de Santa Maria. Além disso, houve a contextualização da forma com a qual os usuários de droga são tratados: sempre à margem da sociedade. O encontro também proporcionou a socialização de experiências pessoais e foi introduzido com a intervenção apresentada por Gabit box, integrante do Coletivo de Resistência Artística e Periférica (Co-rap Santa Maria). Dentre os convidados estavam: Deni Ladi - Educador em redução de danos e Produtor cultural; Douglas Casarotto de Oliveira – Psicólogo, Mestre em Educação e integrante Coordenação da Escola de Redução de Danos Ítaca; Elisandra Gimenez – Licenciada em Ciências Sociais, Especialização em dependência química e agente redutora de danos; Guilherme Corrêa, professor da UFSM licenciado em Química, antigo coordenador do Projeto Ítaca, mestre em Educação e doutor em Ciências Sociais. Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Drogas no âmbito educacional: Redução de danos

Com o tema em discussão “Drogas no Âmbito Educacional: Redução de Danos”, o Projeto Ítaca - ERD – Escola de Redução de Danos, juntamente com Núcleo de Tecnologia Educacional da UFSM e a Pró-reitoria de Extensão, realizaram mais uma edição do evento Diálogos. A conversa trouxe a apresentação do conceito de Redução de Danos construído pelo Projeto ÍTACA, de Santa Maria. Além disso, houve a contextualização da forma com a qual os usuários de droga são tratados: sempre à margem da sociedade. O encontro também proporcionou a socialização de experiências pessoais e foi introduzido com a intervenção apresentada por Gabit box, integrante do Coletivo de Resistência Artística e Periférica (Co-rap Santa Maria). Dentre os convidados estavam: Deni Ladi - Educador em redução de danos e Produtor cultural; Douglas Casarotto de Oliveira – Psicólogo, Mestre em Educação e integrante Coordenação da Escola de Redução de Danos Ítaca; Elisandra Gimenez – Licenciada em Ciências Sociais, Especialização em dependência química e agente redutora de danos; Guilherme Corrêa, professor da UFSM licenciado em Química, antigo coordenador do Projeto Ítaca, mestre em Educação e doutor em Ciências Sociais. Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Drogas no âmbito educacional: Redução de danos

Com o tema em discussão “Drogas no Âmbito Educacional: Redução de Danos”, o Projeto Ítaca - ERD – Escola de Redução de Danos, juntamente com Núcleo de Tecnologia Educacional da UFSM e a Pró-reitoria de Extensão, realizaram mais uma edição do evento Diálogos. A conversa trouxe a apresentação do conceito de Redução de Danos construído pelo Projeto ÍTACA, de Santa Maria. Além disso, houve a contextualização da forma com a qual os usuários de droga são tratados: sempre à margem da sociedade. O encontro também proporcionou a socialização de experiências pessoais e foi introduzido com a intervenção apresentada por Gabit box, integrante do Coletivo de Resistência Artística e Periférica (Co-rap Santa Maria). Dentre os convidados estavam: Deni Ladi - Educador em redução de danos e Produtor cultural; Douglas Casarotto de Oliveira – Psicólogo, Mestre em Educação e integrante Coordenação da Escola de Redução de Danos Ítaca; Elisandra Gimenez – Licenciada em Ciências Sociais, Especialização em dependência química e agente redutora de danos; Guilherme Corrêa, professor da UFSM licenciado em Química, antigo coordenador do Projeto Ítaca, mestre em Educação e doutor em Ciências Sociais. Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Drogas no âmbito educacional: Redução de danos

Com o tema em discussão “Drogas no Âmbito Educacional: Redução de Danos”, o Projeto Ítaca - ERD – Escola de Redução de Danos, juntamente com Núcleo de Tecnologia Educacional da UFSM e a Pró-reitoria de Extensão, realizaram mais uma edição do evento Diálogos. A conversa trouxe a apresentação do conceito de Redução de Danos construído pelo Projeto ÍTACA, de Santa Maria. Além disso, houve a contextualização da forma com a qual os usuários de droga são tratados: sempre à margem da sociedade. O encontro também proporcionou a socialização de experiências pessoais e foi introduzido com a intervenção apresentada por Gabit box, integrante do Coletivo de Resistência Artística e Periférica (Co-rap Santa Maria). Dentre os convidados estavam: Deni Ladi - Educador em redução de danos e Produtor cultural; Douglas Casarotto de Oliveira – Psicólogo, Mestre em Educação e integrante Coordenação da Escola de Redução de Danos Ítaca; Elisandra Gimenez – Licenciada em Ciências Sociais, Especialização em dependência química e agente redutora de danos; Guilherme Corrêa, professor da UFSM licenciado em Química, antigo coordenador do Projeto Ítaca, mestre em Educação e doutor em Ciências Sociais. Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos - Drogas no âmbito educacional: Redução de danos

Com o tema em discussão “Drogas no Âmbito Educacional: Redução de Danos”, o Projeto Ítaca - ERD – Escola de Redução de Danos, juntamente com Núcleo de Tecnologia Educacional da UFSM e a Pró-reitoria de Extensão, realizaram mais uma edição do evento Diálogos. A conversa trouxe a apresentação do conceito de Redução de Danos construído pelo Projeto ÍTACA, de Santa Maria. Além disso, houve a contextualização da forma com a qual os usuários de droga são tratados: sempre à margem da sociedade. O encontro também proporcionou a socialização de experiências pessoais e foi introduzido com a intervenção apresentada por Gabit box, integrante do Coletivo de Resistência Artística e Periférica (Co-rap Santa Maria). Dentre os convidados estavam: Deni Ladi - Educador em redução de danos e Produtor cultural; Douglas Casarotto de Oliveira – Psicólogo, Mestre em Educação e integrante Coordenação da Escola de Redução de Danos Ítaca; Elisandra Gimenez – Licenciada em Ciências Sociais, Especialização em dependência química e agente redutora de danos; Guilherme Corrêa, professor da UFSM licenciado em Química, antigo coordenador do Projeto Ítaca, mestre em Educação e doutor em Ciências Sociais. Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento da I Jornada de Lutas das Mulheres

Depois de um mês inteiro de construção coletiva, promovendo debates, encontros, oficinas, espaços culturais, de aprendizagem, de conhecimento compartilhado e de muita luta! Encerraremos nossa Jornada, que contou com mais de 22 atividades organizadas por diversos coletivos, movimentos sociais, organizações educativas, populares e artísticas. Encerramos com a certeza de que este fim é simbólico, pois a luta sempre continua. Enquanto todas as mulheres forem tratadas de forma desigual, violenta e opressora, não pararemos por aqui! Seguiremos sempre exigindo respeito e os nossos direitos que nos são negligenciados diariamente.
O encerramento contou com a presença de mulheres em cargos administrativos da Universidade Federal de Santa Maria. O evento teve como fala principal a apresentação do trabalho de Aline Bagetti, intitulada: " Feminismos e a criação de micropolíticas no Plano da Diferença". Após foi apresentado o fórum Municipal Permanente de Mulheres de Santa Maria, pela professora Maria Celeste Landerdahl e aberto um convite a todos interessados em construí-lo.
(I Jornada de Luta das Mulheres. Disponível em https://www.facebook.com/IjornadadeLutasdasMulheres/posts/841546115860283. Acesso em 13/07/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento da I Jornada de Lutas das Mulheres

Depois de um mês inteiro de construção coletiva, promovendo debates, encontros, oficinas, espaços culturais, de aprendizagem, de conhecimento compartilhado e de muita luta! Encerraremos nossa Jornada, que contou com mais de 22 atividades organizadas por diversos coletivos, movimentos sociais, organizações educativas, populares e artísticas. Encerramos com a certeza de que este fim é simbólico, pois a luta sempre continua. Enquanto todas as mulheres forem tratadas de forma desigual, violenta e opressora, não pararemos por aqui! Seguiremos sempre exigindo respeito e os nossos direitos que nos são negligenciados diariamente.
O encerramento contou com a presença de mulheres em cargos administrativos da Universidade Federal de Santa Maria. O evento teve como fala principal a apresentação do trabalho de Aline Bagetti, intitulada: " Feminismos e a criação de micropolíticas no Plano da Diferença". Após foi apresentado o fórum Municipal Permanente de Mulheres de Santa Maria, pela professora Maria Celeste Landerdahl e aberto um convite a todos interessados em construí-lo.
(I Jornada de Luta das Mulheres. Disponível em https://www.facebook.com/IjornadadeLutasdasMulheres/posts/841546115860283. Acesso em 13/07/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento da I Jornada de Lutas das Mulheres

Depois de um mês inteiro de construção coletiva, promovendo debates, encontros, oficinas, espaços culturais, de aprendizagem, de conhecimento compartilhado e de muita luta! Encerraremos nossa Jornada, que contou com mais de 22 atividades organizadas por diversos coletivos, movimentos sociais, organizações educativas, populares e artísticas. Encerramos com a certeza de que este fim é simbólico, pois a luta sempre continua. Enquanto todas as mulheres forem tratadas de forma desigual, violenta e opressora, não pararemos por aqui! Seguiremos sempre exigindo respeito e os nossos direitos que nos são negligenciados diariamente.
O encerramento contou com a presença de mulheres em cargos administrativos da Universidade Federal de Santa Maria. O evento teve como fala principal a apresentação do trabalho de Aline Bagetti, intitulada: " Feminismos e a criação de micropolíticas no Plano da Diferença". Após foi apresentado o fórum Municipal Permanente de Mulheres de Santa Maria, pela professora Maria Celeste Landerdahl e aberto um convite a todos interessados em construí-lo.
(I Jornada de Luta das Mulheres. Disponível em https://www.facebook.com/IjornadadeLutasdasMulheres/posts/841546115860283. Acesso em 13/07/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento da I Jornada de Lutas das Mulheres

Depois de um mês inteiro de construção coletiva, promovendo debates, encontros, oficinas, espaços culturais, de aprendizagem, de conhecimento compartilhado e de muita luta! Encerraremos nossa Jornada, que contou com mais de 22 atividades organizadas por diversos coletivos, movimentos sociais, organizações educativas, populares e artísticas. Encerramos com a certeza de que este fim é simbólico, pois a luta sempre continua. Enquanto todas as mulheres forem tratadas de forma desigual, violenta e opressora, não pararemos por aqui! Seguiremos sempre exigindo respeito e os nossos direitos que nos são negligenciados diariamente.
O encerramento contou com a presença de mulheres em cargos administrativos da Universidade Federal de Santa Maria. O evento teve como fala principal a apresentação do trabalho de Aline Bagetti, intitulada: " Feminismos e a criação de micropolíticas no Plano da Diferença". Após foi apresentado o fórum Municipal Permanente de Mulheres de Santa Maria, pela professora Maria Celeste Landerdahl e aberto um convite a todos interessados em construí-lo.
(I Jornada de Luta das Mulheres. Disponível em https://www.facebook.com/IjornadadeLutasdasMulheres/posts/841546115860283. Acesso em 13/07/2017). Fotografia de Priscila Aguiar.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento da I Jornada de Lutas das Mulheres

Depois de um mês inteiro de construção coletiva, promovendo debates, encontros, oficinas, espaços culturais, de aprendizagem, de conhecimento compartilhado e de muita luta! Encerraremos nossa Jornada, que contou com mais de 22 atividades organizadas por diversos coletivos, movimentos sociais, organizações educativas, populares e artísticas. Encerramos com a certeza de que este fim é simbólico, pois a luta sempre continua. Enquanto todas as mulheres forem tratadas de forma desigual, violenta e opressora, não pararemos por aqui! Seguiremos sempre exigindo respeito e os nossos direitos que nos são negligenciados diariamente.
O encerramento contou com a presença de mulheres em cargos administrativos da Universidade Federal de Santa Maria. O evento teve como fala principal a apresentação do trabalho de Aline Bagetti, intitulada: " Feminismos e a criação de micropolíticas no Plano da Diferença". Após foi apresentado o fórum Municipal Permanente de Mulheres de Santa Maria, pela professora Maria Celeste Landerdahl e aberto um convite a todos interessados em construí-lo.
(I Jornada de Luta das Mulheres. Disponível em https://www.facebook.com/IjornadadeLutasdasMulheres/posts/841546115860283. Acesso em 13/07/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento da I Jornada de Lutas das Mulheres

Depois de um mês inteiro de construção coletiva, promovendo debates, encontros, oficinas, espaços culturais, de aprendizagem, de conhecimento compartilhado e de muita luta! Encerraremos nossa Jornada, que contou com mais de 22 atividades organizadas por diversos coletivos, movimentos sociais, organizações educativas, populares e artísticas. Encerramos com a certeza de que este fim é simbólico, pois a luta sempre continua. Enquanto todas as mulheres forem tratadas de forma desigual, violenta e opressora, não pararemos por aqui! Seguiremos sempre exigindo respeito e os nossos direitos que nos são negligenciados diariamente.
O encerramento contou com a presença de mulheres em cargos administrativos da Universidade Federal de Santa Maria. O evento teve como fala principal a apresentação do trabalho de Aline Bagetti, intitulada: " Feminismos e a criação de micropolíticas no Plano da Diferença". Após foi apresentado o fórum Municipal Permanente de Mulheres de Santa Maria, pela professora Maria Celeste Landerdahl e aberto um convite a todos interessados em construí-lo.
(I Jornada de Luta das Mulheres. Disponível em https://www.facebook.com/IjornadadeLutasdasMulheres/posts/841546115860283. Acesso em 13/07/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

6º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária (CBEU)

O 6º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária é uma iniciativa conjunta do Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Universidades Públicas Brasileiras, do Fórum Nacional de Extensão e Ação Comunitária das Universidades e Instituições de Ensino Superior Comunitárias e Fórum de Extensão das Instituições de Ensino Superior Particulares. A relevância do evento consiste no debate acerca dos desafios da extensão universitária no Brasil, tematizando a amplitude alcançada por esta, ao plasmar o diálogo entre o saber acadêmico e o saber popular, propiciando uma rica síntese da abordagem dos problemas da realidade brasileira tanto quanto da implementação das políticas públicas até as práticas de inovação.
A temática escolhida para o 6º CBEU “Diálogos da Extensão: saberes tradicionais e inovação científica” aponta para a importância de reconhecer a existência de diferentes conhecimentos, sob a perspectiva da ciência e do senso comum. Para que, de fato, os trabalhos de extensão se constituam como respostas cada vez mais dinâmicas e propositivas, é necessário um diálogo entre os protagonistas desses conhecimentos. A Participação da UFSM: Nossa instituição teve trabalhos selecionados em todas as áreas. No total, 21 trabalhos foram escolhidos para Apresentações Orais (tendo especial destaque a área de educação com 8 trabalhos selecionados), 2 trabalhos para Rodas de Conversa e 1 trabalho na categoria Oficina. Em Belém, UFSM foi representada por alunos, professores e técnicos administrativos em educação.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

6º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária (CBEU)

O 6º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária é uma iniciativa conjunta do Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Universidades Públicas Brasileiras, do Fórum Nacional de Extensão e Ação Comunitária das Universidades e Instituições de Ensino Superior Comunitárias e Fórum de Extensão das Instituições de Ensino Superior Particulares. A relevância do evento consiste no debate acerca dos desafios da extensão universitária no Brasil, tematizando a amplitude alcançada por esta, ao plasmar o diálogo entre o saber acadêmico e o saber popular, propiciando uma rica síntese da abordagem dos problemas da realidade brasileira tanto quanto da implementação das políticas públicas até as práticas de inovação.
A temática escolhida para o 6º CBEU “Diálogos da Extensão: saberes tradicionais e inovação científica” aponta para a importância de reconhecer a existência de diferentes conhecimentos, sob a perspectiva da ciência e do senso comum. Para que, de fato, os trabalhos de extensão se constituam como respostas cada vez mais dinâmicas e propositivas, é necessário um diálogo entre os protagonistas desses conhecimentos. A Participação da UFSM: Nossa instituição teve trabalhos selecionados em todas as áreas. No total, 21 trabalhos foram escolhidos para Apresentações Orais (tendo especial destaque a área de educação com 8 trabalhos selecionados), 2 trabalhos para Rodas de Conversa e 1 trabalho na categoria Oficina. Em Belém, UFSM foi representada por alunos, professores e técnicos administrativos em educação.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

34º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS

Fotografia de Geisiane Ines Descavi Soares.
O Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS é o principal evento de extensão universitária do sul do país. Promove o intercâmbio entre as Instituições de Ensino, estimula discussões e trocas de experiências sobre as ações de Extensão que permeiam as relações entre as Instituições e a comunidade externa. Em 2016, o Instituto Federal Catarinense – Campus Camboriú foi sede do encontro, que aconteceu de 3 a 5 de agosto. A programação do evento envolveu apresentações orais, minicursos, oficinas, apresentações culturais, palestras e visitas técnicas.
A UFSM participou com 16 apresentações orais e um mini-curso de projetos de extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

34º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS

Fotografia de Geisiane Ines Descavi Soares.
O Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS é o principal evento de extensão universitária do sul do país. Promove o intercâmbio entre as Instituições de Ensino, estimula discussões e trocas de experiências sobre as ações de Extensão que permeiam as relações entre as Instituições e a comunidade externa. Em 2016, o Instituto Federal Catarinense – Campus Camboriú foi sede do encontro, que aconteceu de 3 a 5 de agosto. A programação do evento envolveu apresentações orais, minicursos, oficinas, apresentações culturais, palestras e visitas técnicas.
A UFSM participou com 16 apresentações orais e um mini-curso de projetos de extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

34º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS

Fotografia de Geisiane Ines Descavi Soares.
O Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS é o principal evento de extensão universitária do sul do país. Promove o intercâmbio entre as Instituições de Ensino, estimula discussões e trocas de experiências sobre as ações de Extensão que permeiam as relações entre as Instituições e a comunidade externa. Em 2016, o Instituto Federal Catarinense – Campus Camboriú foi sede do encontro, que aconteceu de 3 a 5 de agosto. A programação do evento envolveu apresentações orais, minicursos, oficinas, apresentações culturais, palestras e visitas técnicas.
A UFSM participou com 16 apresentações orais e um mini-curso de projetos de extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

34º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS

Fotografia de Geisiane Ines Descavi Soares.
O Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS é o principal evento de extensão universitária do sul do país. Promove o intercâmbio entre as Instituições de Ensino, estimula discussões e trocas de experiências sobre as ações de Extensão que permeiam as relações entre as Instituições e a comunidade externa. Em 2016, o Instituto Federal Catarinense – Campus Camboriú foi sede do encontro, que aconteceu de 3 a 5 de agosto. A programação do evento envolveu apresentações orais, minicursos, oficinas, apresentações culturais, palestras e visitas técnicas.
A UFSM participou com 16 apresentações orais e um mini-curso de projetos de extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

34º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS

Fotografia de Geisiane Ines Descavi Soares.
O Seminário de Extensão Universitária da Região Sul - SEURS é o principal evento de extensão universitária do sul do país. Promove o intercâmbio entre as Instituições de Ensino, estimula discussões e trocas de experiências sobre as ações de Extensão que permeiam as relações entre as Instituições e a comunidade externa. Em 2016, o Instituto Federal Catarinense – Campus Camboriú foi sede do encontro, que aconteceu de 3 a 5 de agosto. A programação do evento envolveu apresentações orais, minicursos, oficinas, apresentações culturais, palestras e visitas técnicas.
A UFSM participou com 16 apresentações orais e um mini-curso de projetos de extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Extensão: Diálogos sobre a nova Política de Extensão Universitária da UFSM

Fotografia de Mariana Nogueira Henriques.
O Curso de Extensão: Diálogos sobre a Política de Extensão Universitária da UFSM foi oferecido na Jornada Acadêmica Integrada (JAI) no ano de 2018 na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). O curso foi oferecido em dois dias, sendo necessária a participação em apenas um deles. Foi obrigatória a participação dos bolsistas FIEX (ativos) e foram convidados a participar coordenadores das ações e aqueles que atuam diretamente na extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Extensão: Diálogos sobre a nova Política de Extensão Universitária da UFSM

Fotografia de Mariana Nogueira Henriques.
O Curso de Extensão: Diálogos sobre a Política de Extensão Universitária da UFSM foi oferecido na Jornada Acadêmica Integrada (JAI) no ano de 2018 na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). O curso foi oferecido em dois dias, sendo necessária a participação em apenas um deles. Foi obrigatória a participação dos bolsistas FIEX (ativos) e foram convidados a participar coordenadores das ações e aqueles que atuam diretamente na extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Extensão: Diálogos sobre a nova Política de Extensão Universitária da UFSM

Fotografia de Mariana Nogueira Henriques.
O Curso de Extensão: Diálogos sobre a Política de Extensão Universitária da UFSM foi oferecido na Jornada Acadêmica Integrada (JAI) no ano de 2018 na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). O curso foi oferecido em dois dias, sendo necessária a participação em apenas um deles. Foi obrigatória a participação dos bolsistas FIEX (ativos) e foram convidados a participar coordenadores das ações e aqueles que atuam diretamente na extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso de Extensão: Diálogos sobre a nova Política de Extensão Universitária da UFSM

Fotografia de Mariana Nogueira Henriques.
O Curso de Extensão: Diálogos sobre a Política de Extensão Universitária da UFSM foi oferecido na Jornada Acadêmica Integrada (JAI) no ano de 2018 na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). O curso foi oferecido em dois dias, sendo necessária a participação em apenas um deles. Foi obrigatória a participação dos bolsistas FIEX (ativos) e foram convidados a participar coordenadores das ações e aqueles que atuam diretamente na extensão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

11º Fórum de Extensão Conta

Fotografia de Mariana Nogueira Henriques.
Dos dias 22 a 26 de outubro de 2018 ocorreu a 33ª Jornada Acadêmica Integrada, que busca estimular a iniciação dos alunos da UFSM no meio acadêmico, promover a troca de experiências entre estes alunos e seus professores, divulgar seus trabalhos de ensino, pesquisa e extensão e assegurar o reconhecimento institucional destas ações. No dia 22, aconteceu a apresentação de trabalhos no sub-evento 11º Fórum de Extensão Conta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

6º Fórum Internacional de Pedagogia

Fotografia de Camila Aguiar.
O 6º Fórum Internacional de Pedagogia (Fiped) aconteceu de 30 de Julho a 1º de agosto no campus da Universidade Federal de Santa Maria e teve como tema central A Pesquisa como Prática Pedagógica na Formação Inicial do Pedagogo. O evento tem como missão ser um espaço de promoção e fortalecimento da pesquisa na graduação, possibilitando a divulgação de trabalhos de pesquisas produzidos por alunos de graduação em Pedagogia e áreas afins, de reflexão sobre política para a pesquisa, de divulgação e discussão de experiências de pesquisas realizadas em articulação com o ensino e com a extensão na graduação, em quaisquer disciplinas. Terá a participação de graduandos, graduados e profissionais de universidades do Brasil, Portugal, Moçambique, México, Honduras e Costa Rica, além de países vizinhos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Results 1 to 50 of 523