Mostrar 27918 resultados

Descrição arquivística
Bairro Camobi / Santa Maria
Previsualizar a impressão Ver:

27918 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita da Escola do Estado Maior à UFSM

Fotógrafo não identificado.
Palestra do vice-Reitor Helios Homero Bernardi e do Coronel Alexandre Máximo Amêndola no auditório do Gulerpe durante visita de representantes da Escola do Estado Maior à UFSM.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
À tarde, sessão Solene do Egrégio Conselho Universitário no Anfiteatro Gulerpe do Hospital Universitário de Santa Maria.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
Churrasco de confraternização oferecido às autoridades.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro. À tarde, sessão solene do egrégio Conselho Universitário no anfiteatro do HUSM seguida de sessão no Planetário.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
Churrasco de confraternização oferecido às autoridades.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro. À tarde, sessão solene do egrégio Conselho Universitário no anfiteatro do HUSM seguida de sessão no Planetário.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Inauguração da Primeira Fase da Construção da Cidade Universitária

Fotógrafo não identificado.
Churrasco de confraternização oferecido às autoridades.
Em 03 de setembro de 1972 – ano do sesquicentenário da Independência do Brasil foi inaugurada a primeira fase de construção da Cidade Universitária da Universidade Federal de Santa Maria. O projeto da cidade universitária foi desenvolvido pela Companhia de Planejamento Técnico Fomisa do Rio de Janeiro, a qual elaborou um plano diretor dentro do terreno de 40 hectares doado por Arlindo Toneto e Evaldo Behr.
Na programação do dia constavam: alvorada festiva às 6 horas na residência do Reitor José Mariano da Rocha Filho com clarins da Brigada Militar; durante a manhã, missa campal e cerimônia ecumênica, no Centro de Tecnologia, inauguração oficial, desfile na Avenida Roraima com participação da Banda Escocesa do Colégio Coração de Maria, inauguração da Biblioteca Central Manoel Marques de Souza – Conde de Porto Alegre e abertura oficial da Primeira Feira Internacional do Livro. À tarde, sessão solene do egrégio Conselho Universitário no anfiteatro do HUSM seguida de sessão no Planetário.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Resultados 1 a 50 de 27918