Print preview Close

Showing 1443 results

Archival description
Pró-Reitoria de Extensão (PRE) Santa Maria/RS/Brasil
Advanced search options
Print preview View:

1443 results with digital objects Show results with digital objects

Projeto de Extensão Ateliê de Textos

Projeto financiado pelo Fundo de Incentivo a Extensão (FIEX).
Coordenadora do projeto: Cristiane Fuzer.
42ª Feira do Livro .
O Ateliê de Textos é um projeto de ensino e extensão que tem por objetivo contribuir para o aprimoramento de conhecimentos e habilidades de professores em formação da área de Letras e, ao mesmo tempo, beneficiar a comunidade com resultados de pesquisas acadêmicas recentes e consolidadas voltadas para o trabalho com a linguagem. Oportunizam-se a professores em formação e em serviço subsídios teórico-práticos para a condução do processo de ensino-aprendizagem de leitura e produção de textos envolvendo contextos culturais. Focalizando a produção textual como um processo organizado em etapas de pré-escrita, (re)escrita e pós-escrita, são desenvolvidas atividades contextualizadas de leitura, contação de estórias, produção textual, feedbacks individuais e coletivos e ilustrações, culminando no sentimento de esforço reconhecido com a socialização dos próprios textos para além dos limites da sala de aula, mediante a publicação de uma coletânea em sessão de lançamento de livro.
A partir de 2014, a perspectiva sistêmico-funcional da linguagem passou a integrar as atividades de leitura e escrita propostas nas oficinas desenvolvidas pelo Ateliê de Textos nas escolas parceiras. Nessa perspectiva, a linguagem é concebida como sistema sociossemiótico, e o texto é produto e processo de escolhas semânticas, inserido em contexto específico (HALLIDAY, 1994; HALLIDAY e MATTHIESSEN, 2004, 2014). Dessa forma, fortalecem-se as relações entre as atividades de ensino e extensão com os resultados de pesquisas sobre o funcionamento da linguagem em gêneros, desenvolvidas sob a orientação da coordenadora deste projeto e demais professores colaboradores do Departamento de Letras Vernáculas e do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFSM. Para o trabalho nas oficinas de produção textual nas escolas parceiras, são utilizados princípios da Pedagogia de Gêneros, que propõe o Ciclo de Ensino e Aprendizagem de Gêneros com três momentos fundamentais: desconstrução do gênero (leitura detalhada), construção conjunta e construção independente. Neste projeto, acrescenta-se a essas etapas a socialização da versão final (após várias reescritas) dos textos produzidos pelos alunos participantes das oficinas. As ações bem-sucedidas das edições já realizadas em diferentes escolas públicas em Santa Maria, RS, desde 2011, e o reconhecimento conferido pelo Prêmio RBS de Educação na categoria Projeto Comunitário, em 2013, evidenciam a relevância do processo de produção de textos conduzido por um mediador que, com apoio da equipe de acadêmicos e professores de Letras e colaboração de professores de Língua Portuguesa e Artes da escola, auxilia os participantes a se qualificarem como leitores e escritores. Divertindo-se, desenvolvem saberes linguísticos fundamentais: leitura, escrita e criação literária. Também aprendem a valorizar relações interpessoais para alcançar um propósito comum: socializar seus textos, produzidos com tanto empenho, em forma de livro, integrando atores sociais da universidade, da escola e do seu entorno social. (O projeto, disponível em: http://w3.ufsm.br/ateliedetextos/index.php/o-projeto. Acesso em 04/07/2017). Fotografia de Paola Brum.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto de Extensão Ateliê de Textos

Projeto financiado pelo Fundo de Incentivo a Extensão (FIEX).
Coordenadora do projeto: Cristiane Fuzer.
42ª Feira do Livro .
O Ateliê de Textos é um projeto de ensino e extensão que tem por objetivo contribuir para o aprimoramento de conhecimentos e habilidades de professores em formação da área de Letras e, ao mesmo tempo, beneficiar a comunidade com resultados de pesquisas acadêmicas recentes e consolidadas voltadas para o trabalho com a linguagem. Oportunizam-se a professores em formação e em serviço subsídios teórico-práticos para a condução do processo de ensino-aprendizagem de leitura e produção de textos envolvendo contextos culturais. Focalizando a produção textual como um processo organizado em etapas de pré-escrita, (re)escrita e pós-escrita, são desenvolvidas atividades contextualizadas de leitura, contação de estórias, produção textual, feedbacks individuais e coletivos e ilustrações, culminando no sentimento de esforço reconhecido com a socialização dos próprios textos para além dos limites da sala de aula, mediante a publicação de uma coletânea em sessão de lançamento de livro.
A partir de 2014, a perspectiva sistêmico-funcional da linguagem passou a integrar as atividades de leitura e escrita propostas nas oficinas desenvolvidas pelo Ateliê de Textos nas escolas parceiras. Nessa perspectiva, a linguagem é concebida como sistema sociossemiótico, e o texto é produto e processo de escolhas semânticas, inserido em contexto específico (HALLIDAY, 1994; HALLIDAY e MATTHIESSEN, 2004, 2014). Dessa forma, fortalecem-se as relações entre as atividades de ensino e extensão com os resultados de pesquisas sobre o funcionamento da linguagem em gêneros, desenvolvidas sob a orientação da coordenadora deste projeto e demais professores colaboradores do Departamento de Letras Vernáculas e do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFSM. Para o trabalho nas oficinas de produção textual nas escolas parceiras, são utilizados princípios da Pedagogia de Gêneros, que propõe o Ciclo de Ensino e Aprendizagem de Gêneros com três momentos fundamentais: desconstrução do gênero (leitura detalhada), construção conjunta e construção independente. Neste projeto, acrescenta-se a essas etapas a socialização da versão final (após várias reescritas) dos textos produzidos pelos alunos participantes das oficinas. As ações bem-sucedidas das edições já realizadas em diferentes escolas públicas em Santa Maria, RS, desde 2011, e o reconhecimento conferido pelo Prêmio RBS de Educação na categoria Projeto Comunitário, em 2013, evidenciam a relevância do processo de produção de textos conduzido por um mediador que, com apoio da equipe de acadêmicos e professores de Letras e colaboração de professores de Língua Portuguesa e Artes da escola, auxilia os participantes a se qualificarem como leitores e escritores. Divertindo-se, desenvolvem saberes linguísticos fundamentais: leitura, escrita e criação literária. Também aprendem a valorizar relações interpessoais para alcançar um propósito comum: socializar seus textos, produzidos com tanto empenho, em forma de livro, integrando atores sociais da universidade, da escola e do seu entorno social. (O projeto, disponível em: http://w3.ufsm.br/ateliedetextos/index.php/o-projeto. Acesso em 04/07/2017). Fotografia de Paola Brum.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto de Extensão Ateliê de Textos

Projeto financiado pelo Fundo de Incentivo a Extensão (FIEX).
Coordenadora do projeto: Cristiane Fuzer.
42ª Feira do Livro .
O Ateliê de Textos é um projeto de ensino e extensão que tem por objetivo contribuir para o aprimoramento de conhecimentos e habilidades de professores em formação da área de Letras e, ao mesmo tempo, beneficiar a comunidade com resultados de pesquisas acadêmicas recentes e consolidadas voltadas para o trabalho com a linguagem. Oportunizam-se a professores em formação e em serviço subsídios teórico-práticos para a condução do processo de ensino-aprendizagem de leitura e produção de textos envolvendo contextos culturais. Focalizando a produção textual como um processo organizado em etapas de pré-escrita, (re)escrita e pós-escrita, são desenvolvidas atividades contextualizadas de leitura, contação de estórias, produção textual, feedbacks individuais e coletivos e ilustrações, culminando no sentimento de esforço reconhecido com a socialização dos próprios textos para além dos limites da sala de aula, mediante a publicação de uma coletânea em sessão de lançamento de livro.
A partir de 2014, a perspectiva sistêmico-funcional da linguagem passou a integrar as atividades de leitura e escrita propostas nas oficinas desenvolvidas pelo Ateliê de Textos nas escolas parceiras. Nessa perspectiva, a linguagem é concebida como sistema sociossemiótico, e o texto é produto e processo de escolhas semânticas, inserido em contexto específico (HALLIDAY, 1994; HALLIDAY e MATTHIESSEN, 2004, 2014). Dessa forma, fortalecem-se as relações entre as atividades de ensino e extensão com os resultados de pesquisas sobre o funcionamento da linguagem em gêneros, desenvolvidas sob a orientação da coordenadora deste projeto e demais professores colaboradores do Departamento de Letras Vernáculas e do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFSM. Para o trabalho nas oficinas de produção textual nas escolas parceiras, são utilizados princípios da Pedagogia de Gêneros, que propõe o Ciclo de Ensino e Aprendizagem de Gêneros com três momentos fundamentais: desconstrução do gênero (leitura detalhada), construção conjunta e construção independente. Neste projeto, acrescenta-se a essas etapas a socialização da versão final (após várias reescritas) dos textos produzidos pelos alunos participantes das oficinas. As ações bem-sucedidas das edições já realizadas em diferentes escolas públicas em Santa Maria, RS, desde 2011, e o reconhecimento conferido pelo Prêmio RBS de Educação na categoria Projeto Comunitário, em 2013, evidenciam a relevância do processo de produção de textos conduzido por um mediador que, com apoio da equipe de acadêmicos e professores de Letras e colaboração de professores de Língua Portuguesa e Artes da escola, auxilia os participantes a se qualificarem como leitores e escritores. Divertindo-se, desenvolvem saberes linguísticos fundamentais: leitura, escrita e criação literária. Também aprendem a valorizar relações interpessoais para alcançar um propósito comum: socializar seus textos, produzidos com tanto empenho, em forma de livro, integrando atores sociais da universidade, da escola e do seu entorno social. (O projeto, disponível em: http://w3.ufsm.br/ateliedetextos/index.php/o-projeto. Acesso em 04/07/2017). Fotografia de Paola Brum.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - GranJah Roots

Fotografia de Fernando Sapata.
Em mais uma edição do programa Viva o Campus o evento contou diversas atividades: Show com a banda Granjah Roots, observação de aves com o projeto Olha o Passarinho, no Planetário, caminhada guiada no campus com o professor Lucio Strazzabosco Dorneles, no arco da UFSM e mais uma atividade da Série da Recitais dos professores do Departamento de Música da UFSM, no Caixa Preta. (Domingo, 07/05, é dia de Viva o Campus!, disponível em: http://w3.ufsm.br/pre/index.php/pagina-inicial1/noticias/389-domingo-07-05-e-dia-de-viva-o-campus). Acesso em 20/12/2017.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Camaleão e os Bichos do Mato

Fotografia de Milene Barazzutti.
Em mais uma edição do Viva o Campus a banda Camaleão e os Bichos do Mato foi a atração musical. Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão, o Viva o Campus é um programa que tem como finalidade o incentivo à participação cultural e artística, estimulando a comunidade em geral a conhecer, frequentar e valorizar o campus sede da UFSM, promovendo integração e lazer. (Viva o Campus terá show com a banda Camaleão e os Bichos do Mato, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tera-show-com-banda-camaleao-e-os-bi. Acesso em 26/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Camaleão e os Bichos do Mato

Fotografia de Milene Barazzutti.
Em mais uma edição do Viva o Campus a banda Camaleão e os Bichos do Mato foi a atração musical. Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão, o Viva o Campus é um programa que tem como finalidade o incentivo à participação cultural e artística, estimulando a comunidade em geral a conhecer, frequentar e valorizar o campus sede da UFSM, promovendo integração e lazer. (Viva o Campus terá show com a banda Camaleão e os Bichos do Mato, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tera-show-com-banda-camaleao-e-os-bi. Acesso em 26/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Camaleão e os Bichos do Mato

Fotografia de Milene Barazzutti.
Em mais uma edição do Viva o Campus a banda Camaleão e os Bichos do Mato foi a atração musical. Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão, o Viva o Campus é um programa que tem como finalidade o incentivo à participação cultural e artística, estimulando a comunidade em geral a conhecer, frequentar e valorizar o campus sede da UFSM, promovendo integração e lazer. (Viva o Campus terá show com a banda Camaleão e os Bichos do Mato, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tera-show-com-banda-camaleao-e-os-bi. Acesso em 26/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Camaleão e os Bichos do Mato

Fotografia de Milene Barazzutti.
Em mais uma edição do Viva o Campus a banda Camaleão e os Bichos do Mato foi a atração musical. Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão, o Viva o Campus é um programa que tem como finalidade o incentivo à participação cultural e artística, estimulando a comunidade em geral a conhecer, frequentar e valorizar o campus sede da UFSM, promovendo integração e lazer. (Viva o Campus terá show com a banda Camaleão e os Bichos do Mato, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tera-show-com-banda-camaleao-e-os-bi. Acesso em 26/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Camaleão e os Bichos do Mato

Fotografia de Milene Barazzutti.
Em mais uma edição do Viva o Campus a banda Camaleão e os Bichos do Mato foi a atração musical. Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão, o Viva o Campus é um programa que tem como finalidade o incentivo à participação cultural e artística, estimulando a comunidade em geral a conhecer, frequentar e valorizar o campus sede da UFSM, promovendo integração e lazer. (Viva o Campus terá show com a banda Camaleão e os Bichos do Mato, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tera-show-com-banda-camaleao-e-os-bi. Acesso em 26/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Camaleão e os Bichos do Mato

Fotografia de Milene Barazzutti.
Em mais uma edição do Viva o Campus a banda Camaleão e os Bichos do Mato foi a atração musical. Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão, o Viva o Campus é um programa que tem como finalidade o incentivo à participação cultural e artística, estimulando a comunidade em geral a conhecer, frequentar e valorizar o campus sede da UFSM, promovendo integração e lazer. (Viva o Campus terá show com a banda Camaleão e os Bichos do Mato, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tera-show-com-banda-camaleao-e-os-bi. Acesso em 26/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Atílio Alencar.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Fernando Sapata.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Fernando Sapata.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Fernando Sapata.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Fernando Sapata.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Fernando Sapata.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Fernando Sapata.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Setembro Amarelo

Fotografia de Fernando Sapata.
O projeto Viva o Campus, da Pró-Reitoria de Extensão, teve edição especial com o tema do Setembro Amarelo. A campanha alerta para a prevenção contra o suicídio. As atividades do evento foram gratuitas e abertas ao público (Viva o Campus dem edição especial do Setembro Amarelo, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/viva-o-campus-tem-edicao-especial-do-setembro-amar. Acesso em 27/12/2017).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestra de Formação Técnica Palmeira Verde

A Incubadora Social da UFSM, em parceria com o Laboratório de Processos Ambientais do Departamento de Engenharia Química da UFSM, realizou uma palestra técnica de divulgação dos resultados obtidos na execução do projeto “Obtenção de produtos com alto valor agregado a partir da reciclagem de resíduos poliméricos”. O projeto foi aprovado em 2013 pelo edital de incentivo do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT/RS). O objetivo foi apresentar ao grupo incubado Palmeira Verde as diferentes tecnologias desenvolvidas para a obtenção de ceras e combustíveis alternativos utilizando embalagens poliméricas (pós-consumo) através da pirólise. (Incubadora Social realizará formação técnica dia 28 de Setembro, disponível em: http://w3.ufsm.br/pre/index.php/pagina-inicial1/noticias/435-incubadora-social-realizara-formacao-tecnica-dia-28-de-setembro. Acesso em 02/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestra de Formação Técnica Palmeira Verde

A Incubadora Social da UFSM, em parceria com o Laboratório de Processos Ambientais do Departamento de Engenharia Química da UFSM, realizou uma palestra técnica de divulgação dos resultados obtidos na execução do projeto “Obtenção de produtos com alto valor agregado a partir da reciclagem de resíduos poliméricos”. O projeto foi aprovado em 2013 pelo edital de incentivo do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT/RS). O objetivo foi apresentar ao grupo incubado Palmeira Verde as diferentes tecnologias desenvolvidas para a obtenção de ceras e combustíveis alternativos utilizando embalagens poliméricas (pós-consumo) através da pirólise. (Incubadora Social realizará formação técnica dia 28 de Setembro, disponível em: http://w3.ufsm.br/pre/index.php/pagina-inicial1/noticias/435-incubadora-social-realizara-formacao-tecnica-dia-28-de-setembro. Acesso em 02/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestra de Formação Técnica Palmeira Verde

A Incubadora Social da UFSM, em parceria com o Laboratório de Processos Ambientais do Departamento de Engenharia Química da UFSM, realizou uma palestra técnica de divulgação dos resultados obtidos na execução do projeto “Obtenção de produtos com alto valor agregado a partir da reciclagem de resíduos poliméricos”. O projeto foi aprovado em 2013 pelo edital de incentivo do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT/RS). O objetivo foi apresentar ao grupo incubado Palmeira Verde as diferentes tecnologias desenvolvidas para a obtenção de ceras e combustíveis alternativos utilizando embalagens poliméricas (pós-consumo) através da pirólise. (Incubadora Social realizará formação técnica dia 28 de Setembro, disponível em: http://w3.ufsm.br/pre/index.php/pagina-inicial1/noticias/435-incubadora-social-realizara-formacao-tecnica-dia-28-de-setembro. Acesso em 02/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestra de Formação Técnica Palmeira Verde

A Incubadora Social da UFSM, em parceria com o Laboratório de Processos Ambientais do Departamento de Engenharia Química da UFSM, realizou uma palestra técnica de divulgação dos resultados obtidos na execução do projeto “Obtenção de produtos com alto valor agregado a partir da reciclagem de resíduos poliméricos”. O projeto foi aprovado em 2013 pelo edital de incentivo do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT/RS). O objetivo foi apresentar ao grupo incubado Palmeira Verde as diferentes tecnologias desenvolvidas para a obtenção de ceras e combustíveis alternativos utilizando embalagens poliméricas (pós-consumo) através da pirólise. (Incubadora Social realizará formação técnica dia 28 de Setembro, disponível em: http://w3.ufsm.br/pre/index.php/pagina-inicial1/noticias/435-incubadora-social-realizara-formacao-tecnica-dia-28-de-setembro. Acesso em 02/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestra de Formação Técnica Palmeira Verde

A Incubadora Social da UFSM, em parceria com o Laboratório de Processos Ambientais do Departamento de Engenharia Química da UFSM, realizou uma palestra técnica de divulgação dos resultados obtidos na execução do projeto “Obtenção de produtos com alto valor agregado a partir da reciclagem de resíduos poliméricos”. O projeto foi aprovado em 2013 pelo edital de incentivo do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT/RS). O objetivo foi apresentar ao grupo incubado Palmeira Verde as diferentes tecnologias desenvolvidas para a obtenção de ceras e combustíveis alternativos utilizando embalagens poliméricas (pós-consumo) através da pirólise. (Incubadora Social realizará formação técnica dia 28 de Setembro, disponível em: http://w3.ufsm.br/pre/index.php/pagina-inicial1/noticias/435-incubadora-social-realizara-formacao-tecnica-dia-28-de-setembro. Acesso em 02/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Palestra de Formação Técnica Palmeira Verde

A Incubadora Social da UFSM, em parceria com o Laboratório de Processos Ambientais do Departamento de Engenharia Química da UFSM, realizou uma palestra técnica de divulgação dos resultados obtidos na execução do projeto “Obtenção de produtos com alto valor agregado a partir da reciclagem de resíduos poliméricos”. O projeto foi aprovado em 2013 pelo edital de incentivo do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT/RS). O objetivo foi apresentar ao grupo incubado Palmeira Verde as diferentes tecnologias desenvolvidas para a obtenção de ceras e combustíveis alternativos utilizando embalagens poliméricas (pós-consumo) através da pirólise. (Incubadora Social realizará formação técnica dia 28 de Setembro, disponível em: http://w3.ufsm.br/pre/index.php/pagina-inicial1/noticias/435-incubadora-social-realizara-formacao-tecnica-dia-28-de-setembro. Acesso em 02/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Sobre Rodas de Choro e Chimarrão

Apresentado no largo do Planetário, o projeto "Sobre Rodas de Choro e Chimarrão" tem por finalidade de unir chimarrão gaúcho ao ritmo melodioso do chorinho. Além da apresentação de músicas de compositores famosos do Choro, a iniciativa promoveu o diálogo sobre aspectos folclóricos do chimarrão e fruição do gênero musical e oficinas de música quando serão abordadas teoricamente as histórias do chorinho que envolveu músicos gaúchos e execução de partituras. (Rodas de choro e chimarrão no largo do Planetário, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/rodas-de-choro-e-chimarrao-no-largo-do-planetario. Acesso em 03/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Sobre Rodas de Choro e Chimarrão

Apresentado no largo do Planetário, o projeto "Sobre Rodas de Choro e Chimarrão" tem por finalidade de unir chimarrão gaúcho ao ritmo melodioso do chorinho. Além da apresentação de músicas de compositores famosos do Choro, a iniciativa promoveu o diálogo sobre aspectos folclóricos do chimarrão e fruição do gênero musical e oficinas de música quando serão abordadas teoricamente as histórias do chorinho que envolveu músicos gaúchos e execução de partituras. (Rodas de choro e chimarrão no largo do Planetário, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/rodas-de-choro-e-chimarrao-no-largo-do-planetario. Acesso em 03/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Sobre Rodas de Choro e Chimarrão

Apresentado no largo do Planetário, o projeto "Sobre Rodas de Choro e Chimarrão" tem por finalidade de unir chimarrão gaúcho ao ritmo melodioso do chorinho. Além da apresentação de músicas de compositores famosos do Choro, a iniciativa promoveu o diálogo sobre aspectos folclóricos do chimarrão e fruição do gênero musical e oficinas de música quando serão abordadas teoricamente as histórias do chorinho que envolveu músicos gaúchos e execução de partituras. (Rodas de choro e chimarrão no largo do Planetário, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/rodas-de-choro-e-chimarrao-no-largo-do-planetario. Acesso em 03/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Sobre Rodas de Choro e Chimarrão

Apresentado no largo do Planetário, o projeto "Sobre Rodas de Choro e Chimarrão" tem por finalidade de unir chimarrão gaúcho ao ritmo melodioso do chorinho. Além da apresentação de músicas de compositores famosos do Choro, a iniciativa promoveu o diálogo sobre aspectos folclóricos do chimarrão e fruição do gênero musical e oficinas de música quando serão abordadas teoricamente as histórias do chorinho que envolveu músicos gaúchos e execução de partituras. (Rodas de choro e chimarrão no largo do Planetário, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/rodas-de-choro-e-chimarrao-no-largo-do-planetario. Acesso em 03/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Sobre Rodas de Choro e Chimarrão

Apresentado no largo do Planetário, o projeto "Sobre Rodas de Choro e Chimarrão" tem por finalidade de unir chimarrão gaúcho ao ritmo melodioso do chorinho. Além da apresentação de músicas de compositores famosos do Choro, a iniciativa promoveu o diálogo sobre aspectos folclóricos do chimarrão e fruição do gênero musical e oficinas de música quando serão abordadas teoricamente as histórias do chorinho que envolveu músicos gaúchos e execução de partituras. (Rodas de choro e chimarrão no largo do Planetário, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/rodas-de-choro-e-chimarrao-no-largo-do-planetario. Acesso em 03/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Sobre Rodas de Choro e Chimarrão

Apresentado no largo do Planetário, o projeto "Sobre Rodas de Choro e Chimarrão" tem por finalidade de unir chimarrão gaúcho ao ritmo melodioso do chorinho. Além da apresentação de músicas de compositores famosos do Choro, a iniciativa promoveu o diálogo sobre aspectos folclóricos do chimarrão e fruição do gênero musical e oficinas de música quando serão abordadas teoricamente as histórias do chorinho que envolveu músicos gaúchos e execução de partituras. (Rodas de choro e chimarrão no largo do Planetário, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/rodas-de-choro-e-chimarrao-no-largo-do-planetario. Acesso em 03/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Sobre Rodas de Choro e Chimarrão

Apresentado no largo do Planetário, o projeto "Sobre Rodas de Choro e Chimarrão" tem por finalidade de unir chimarrão gaúcho ao ritmo melodioso do chorinho. Além da apresentação de músicas de compositores famosos do Choro, a iniciativa promoveu o diálogo sobre aspectos folclóricos do chimarrão e fruição do gênero musical e oficinas de música quando serão abordadas teoricamente as histórias do chorinho que envolveu músicos gaúchos e execução de partituras. (Rodas de choro e chimarrão no largo do Planetário, disponível em: http://site.ufsm.br/noticias/exibir/rodas-de-choro-e-chimarrao-no-largo-do-planetario. Acesso em 03/01/2018).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Viva o Campus - Calourada da Resistência

Programação: Para encerrar a Calourada das Resistências, depois de uma semana de debates sobre os movimentos sociais presentes na nossa universidade e na nossa cidade, Show da Banda Pegada Torta, composta por estudantes da universidade; o palco livre.
Promovido pelo Diretórios Acadêmicos e Coletivos estudantis em parceria com a Pró-Reitoria de Extensão da UFSM
Fonte pesquisada: <https://br.eventbu.com/santa-maria/viva-o-campus-26-03/2138971.amp >.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Results 1 to 50 of 1443