Mostrar 659 resultados

Descrição arquivística
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)
Opções de pesquisa avançada
Previsualizar a impressão Ver:

659 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Compromisso de ações cooperativas entre a UFSM e a Prefeitura de Santa Maria

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
A Universidade Federal de Santa Maria e a Prefeitura Municipal de Santa Maria, com o objetivo de estreitar as relações, firmaram compromisso de ações cooperativas em reunião no dia 3 de abril de 2017. A reunião teve como pauta questões do meio ambiente, encaminhamentos, entre outros.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Compromisso de ações cooperativas entre a UFSM e a Prefeitura de Santa Maria

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
A Universidade Federal de Santa Maria e a Prefeitura Municipal de Santa Maria, com o objetivo de estreitar as relações, firmaram compromisso de ações cooperativas em reunião no dia 3 de abril de 2017. A reunião teve como pauta questões do meio ambiente, encaminhamentos, entre outros.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Compromisso de ações cooperativas entre a UFSM e a Prefeitura de Santa Maria

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
A Universidade Federal de Santa Maria e a Prefeitura Municipal de Santa Maria, com o objetivo de estreitar as relações, firmaram compromisso de ações cooperativas em reunião no dia 3 de abril de 2017. A reunião teve como pauta questões do meio ambiente, encaminhamentos, entre outros.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Concerto de Inauguração do Piano Steinway

Fotografia de Mariana Flores.
O Concerto de Inauguração do Piano Steinway foi realizado dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções da UFSM. Em um primeiro momento foi exibido um vídeo sobre o processo de fabricação de pianos da marca Steinway & Sons e logo após foi realizada a apresentação de cinco professores pianistas, que são eles: Silvia Hasselaar que executou as composições “Prece”, de Alberto Nepomuceno, e “Prelúdio das Bachianas Brasileiras N° 4” e “Na Corda da Viola”, de Heitor Villa-Lobos; Claudia Deltregia, que apresentou as músicas “Romanze op. 28 Nº 1 e 2”, de Robert Schumann, e “Brejeiro”, de Ernesto Nazareth; Daniel Morales apresentou uma composição própria, intitulada “Piazzollando”; Vera Lucia Portinho Vianna apresentou “Prelúdio Op. 32 N° 5 em Sol Maior” e “Prelúdio Op. 23 N° 5 em Sol Menor”, de Sergei Rachmaninoff e Taiur Agnoletto Fontana, apresentou a composição “Mazeppa (Estudo Transcendental N° 4)”, de Franz Liszt. Por fim, Vera Vianna e Taiur Fontana retornaram ao palco e apresentaram a quatro mãos da canção “Dança Ritual do Fogo”, do compositor espanhol Manuel de Falla.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Descerramento do Letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa Pista Multiuso – Fase 1

Fotografia de Mariana Flores.
O descerramento do letreiro “Cidade Universitária Prof. José Mariano da Rocha Filho” e da placa da Pista Multiuso – Fase 1 ocorreu dia 15 de dezembro de 2017, às 10h, no arco da UFSM Campus Sede. Originalmente denominado de “Cidade Universitária”, o campus da UFSM foi rebatizado em outubro de 1973, quando foi acrescentada a homenagem, prestada pelo Conselho Universitário, a seu idealizador e primeiro reitor.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Dia da Calourada em recepção aos novos alunos do Centro de Ciências da Saúde da UFSM

Fotografia de Sendi Chiapinotto Spiazzi.
O evento de recepção contou com diversas atrações, foram elas: a apresentação musical da aluna Isabela Kuplich do Curso de Comunicação Social da UFSM e de Vitor Etchepare Vieira, a apresentação do professor de Zumba, Francis Vinicius de Oliveira Schirmer, a gincana entre as turmas, que terá como prêmio a Fuel Entretenimento em uma de suas festas de curso, e a distribuição de drinques não alcoólicos promovidos pela Fuel. Por fim, após a competição, o curso de Medicina apresentou sua Bateria Tirana. O evento teve o apoio, também, da Gustavo Fotos Formaturas, e o patrocínio da escola de idiomas Wizard e do Aplicativo Sniffer. O Centro de Ciências da Saúde possui sete cursos de graduação, mas apenas seis abriram novas turmas no segundo semestre letivo do ano de 2017. Foram eles: Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Medicina, Odontologia e Terapia Ocupacional. Já a Fonoaudiologia só recebe novos alunos no início do ano.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Dia da Calourada em recepção aos novos alunos do Centro de Ciências da Saúde da UFSM

Fotografia de Sendi Chiapinotto Spiazzi.
O evento de recepção contou com diversas atrações, foram elas: a apresentação musical da aluna Isabela Kuplich do Curso de Comunicação Social da UFSM e de Vitor Etchepare Vieira, a apresentação do professor de Zumba, Francis Vinicius de Oliveira Schirmer, a gincana entre as turmas, que terá como prêmio a Fuel Entretenimento em uma de suas festas de curso, e a distribuição de drinques não alcoólicos promovidos pela Fuel. Por fim, após a competição, o curso de Medicina apresentou sua Bateria Tirana. O evento teve o apoio, também, da Gustavo Fotos Formaturas, e o patrocínio da escola de idiomas Wizard e do Aplicativo Sniffer. O Centro de Ciências da Saúde possui sete cursos de graduação, mas apenas seis abriram novas turmas no segundo semestre letivo do ano de 2017. Foram eles: Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Medicina, Odontologia e Terapia Ocupacional. Já a Fonoaudiologia só recebe novos alunos no início do ano.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Dia da Calourada em recepção aos novos alunos do Centro de Ciências da Saúde da UFSM

Fotografia de Sendi Chiapinotto Spiazzi.
O evento de recepção contou com diversas atrações, foram elas: a apresentação musical da aluna Isabela Kuplich do Curso de Comunicação Social da UFSM e de Vitor Etchepare Vieira, a apresentação do professor de Zumba, Francis Vinicius de Oliveira Schirmer, a gincana entre as turmas, que terá como prêmio a Fuel Entretenimento em uma de suas festas de curso, e a distribuição de drinques não alcoólicos promovidos pela Fuel. Por fim, após a competição, o curso de Medicina apresentou sua Bateria Tirana. O evento teve o apoio, também, da Gustavo Fotos Formaturas, e o patrocínio da escola de idiomas Wizard e do Aplicativo Sniffer. O Centro de Ciências da Saúde possui sete cursos de graduação, mas apenas seis abriram novas turmas no segundo semestre letivo do ano de 2017. Foram eles: Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Medicina, Odontologia e Terapia Ocupacional. Já a Fonoaudiologia só recebe novos alunos no início do ano.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Diálogos Latino-Americanos (Dila)

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Com o tema central “Entre o norte e o sul sociais: diálogos América Latina e Europa”, o evento contou com a participação de painelistas da Inglaterra, Portugal, Chile e Brasil. A atividade foi promovida pelo Gabinete do Reitor, com apoio do curso de Direito, do Programa de Pós-Graduação em Direito, da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) e do UMA – Universidade Sustentável. O evento começou pela manhã no Salão Imembuí e prosseguiu à noite no auditório da Antiga Reitoria.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções

Fotografia de Mariana Flores.
O encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções ocorreu dia 11 de agosto de 2017 e contou com o “UFSM Abraça”, em comemoração ao Dia do Estudante, reunindo quatro apresentações artísticas de diferentes modalidades, as quais foram selecionadas por meio de chamada pública. Os escolhidos foram o Quarteto Vivace, com o espetáculo “Noite Lírica... Noite de Encanto”, atuação de Rozan Ribeiro Borges e direção de Gelton Quadros da Rosa o espetáculo “O Culto Afro”, o grupo De Alma Gaúcha com o espetáculo “Bem Assim No Más” e a Banda Geringonça apresentou o espetáculo “O Zé”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções

Fotografia de Mariana Flores.
O encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções ocorreu dia 11 de agosto de 2017 e contou com o “UFSM Abraça”, em comemoração ao Dia do Estudante, reunindo quatro apresentações artísticas de diferentes modalidades, as quais foram selecionadas por meio de chamada pública. Os escolhidos foram o Quarteto Vivace, com o espetáculo “Noite Lírica... Noite de Encanto”, atuação de Rozan Ribeiro Borges e direção de Gelton Quadros da Rosa o espetáculo “O Culto Afro”, o grupo De Alma Gaúcha com o espetáculo “Bem Assim No Más” e a Banda Geringonça apresentou o espetáculo “O Zé”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções

Fotografia de Mariana Flores.
O encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções ocorreu dia 11 de agosto de 2017 e contou com o “UFSM Abraça”, em comemoração ao Dia do Estudante, reunindo quatro apresentações artísticas de diferentes modalidades, as quais foram selecionadas por meio de chamada pública. Os escolhidos foram o Quarteto Vivace, com o espetáculo “Noite Lírica... Noite de Encanto”, atuação de Rozan Ribeiro Borges e direção de Gelton Quadros da Rosa o espetáculo “O Culto Afro”, o grupo De Alma Gaúcha com o espetáculo “Bem Assim No Más” e a Banda Geringonça apresentou o espetáculo “O Zé”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções

Fotografia de Mariana Flores.
O encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções ocorreu dia 11 de agosto de 2017 e contou com o “UFSM Abraça”, em comemoração ao Dia do Estudante, reunindo quatro apresentações artísticas de diferentes modalidades, as quais foram selecionadas por meio de chamada pública. Os escolhidos foram o Quarteto Vivace, com o espetáculo “Noite Lírica... Noite de Encanto”, atuação de Rozan Ribeiro Borges e direção de Gelton Quadros da Rosa o espetáculo “O Culto Afro”, o grupo De Alma Gaúcha com o espetáculo “Bem Assim No Más” e a Banda Geringonça apresentou o espetáculo “O Zé”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções

Fotografia de Mariana Flores.
O encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções ocorreu dia 11 de agosto de 2017 e contou com o “UFSM Abraça”, em comemoração ao Dia do Estudante, reunindo quatro apresentações artísticas de diferentes modalidades, as quais foram selecionadas por meio de chamada pública. Os escolhidos foram o Quarteto Vivace, com o espetáculo “Noite Lírica... Noite de Encanto”, atuação de Rozan Ribeiro Borges e direção de Gelton Quadros da Rosa o espetáculo “O Culto Afro”, o grupo De Alma Gaúcha com o espetáculo “Bem Assim No Más” e a Banda Geringonça apresentou o espetáculo “O Zé”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções

Fotografia de Mariana Flores.
O encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções ocorreu dia 11 de agosto de 2017 e contou com o “UFSM Abraça”, em comemoração ao Dia do Estudante, reunindo quatro apresentações artísticas de diferentes modalidades, as quais foram selecionadas por meio de chamada pública. Os escolhidos foram o Quarteto Vivace, com o espetáculo “Noite Lírica... Noite de Encanto”, atuação de Rozan Ribeiro Borges e direção de Gelton Quadros da Rosa o espetáculo “O Culto Afro”, o grupo De Alma Gaúcha com o espetáculo “Bem Assim No Más” e a Banda Geringonça apresentou o espetáculo “O Zé”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções

Fotografia de Mariana Flores.
O encerramento do Programa de Inauguração do Centro de Convenções ocorreu dia 11 de agosto de 2017 e contou com o “UFSM Abraça”, em comemoração ao Dia do Estudante, reunindo quatro apresentações artísticas de diferentes modalidades, as quais foram selecionadas por meio de chamada pública. Os escolhidos foram o Quarteto Vivace, com o espetáculo “Noite Lírica... Noite de Encanto”, atuação de Rozan Ribeiro Borges e direção de Gelton Quadros da Rosa o espetáculo “O Culto Afro”, o grupo De Alma Gaúcha com o espetáculo “Bem Assim No Más” e a Banda Geringonça apresentou o espetáculo “O Zé”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Resultados 151 a 200 de 659