Print preview Close

Showing 659 results

Archival description
Advanced search options
Print preview View:

659 results with digital objects Show results with digital objects

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita a agricultor participante da Polifeira

Fotografia de Mariana Flores.
A Polifeira do Agricultor será realizada regularmente no Campus da UFSM, em frente ao Planetário, todas as segundas e quintas-feiras à tarde, a partir das 15h30min. De acordo com os coordenadores do projeto, o técnico administrativo Eduardo Luft e o professor Gustavo Pinto da Silva, o objetivo é que a feira trabalhe a partir da realidade do setor agropecuário de Santa Maria, caracterizado por agricultores convencionais, orientando-os para uma produção mais orgânica, por meio da substituição gradativa dos insumos tradicionais por produtos biológicos ou de “carência zero”, ou seja, com menores índices de aditivos químicos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto UMAbike

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
O Projeto UMAbike foi apresentado a comunidade acadêmica no dia 10 de maio e entrou em funcionamento em caráter experimental, visando melhorar a mobilidade interna no campus. No total, 50 bicicletas foram disponibilizadas aos diretores, que, a partir de agora, poderão solicitar as bikes para suas unidades. Parte de uma iniciativa ampliada, o projeto Universidade Meio Ambiente (UMA), as bicicletas foram batizadas de UMAbike. A campanha de divulgação, criada pela Facos Agência, buscou associar os conceitos de sustentabilidade à experiência de pedalar pelo campus, adotando como mote o slogan “o melhor é o trajeto”.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Piano Steinway & Sons instalado no Centro de Convenções da UFSM

Fotografia de Mariana Flores.
O Piano de cauda da marca Steinway & Sons, modelo D (tamanho do piano: 2,74 m de comprimento), instalado no Centro de Convenções, foi entregue à UFSM no mês de Abril de 2017. Os pianos da marca Steinway & Sons são fabricados nos Estados Unidos e não possuem componentes plásticos, tendo 85% de sua composição em madeira. Foi realizado um concerto de inauguração do piano dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções, onde ficará instalado e deverá ser usado por pianistas para concertos e também em outros eventos da área da música que demandem o uso do instrumento.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Piano Steinway & Sons instalado no Centro de Convenções da UFSM

Fotografia de Mariana Flores.
O Piano de cauda da marca Steinway & Sons, modelo D (tamanho do piano: 2,74 m de comprimento), instalado no Centro de Convenções, foi entregue à UFSM no mês de Abril de 2017. Os pianos da marca Steinway & Sons são fabricados nos Estados Unidos e não possuem componentes plásticos, tendo 85% de sua composição em madeira. Foi realizado um concerto de inauguração do piano dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções, onde ficará instalado e deverá ser usado por pianistas para concertos e também em outros eventos da área da música que demandem o uso do instrumento.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Piano Steinway & Sons instalado no Centro de Convenções da UFSM

Fotografia de Mariana Flores.
O Piano de cauda da marca Steinway & Sons, modelo D (tamanho do piano: 2,74 m de comprimento), instalado no Centro de Convenções, foi entregue à UFSM no mês de Abril de 2017. Os pianos da marca Steinway & Sons são fabricados nos Estados Unidos e não possuem componentes plásticos, tendo 85% de sua composição em madeira. Foi realizado um concerto de inauguração do piano dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções, onde ficará instalado e deverá ser usado por pianistas para concertos e também em outros eventos da área da música que demandem o uso do instrumento.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Piano Steinway & Sons instalado no Centro de Convenções da UFSM

Fotografia de Mariana Flores.
O Piano de cauda da marca Steinway & Sons, modelo D (tamanho do piano: 2,74 m de comprimento), instalado no Centro de Convenções, foi entregue à UFSM no mês de Abril de 2017. Os pianos da marca Steinway & Sons são fabricados nos Estados Unidos e não possuem componentes plásticos, tendo 85% de sua composição em madeira. Foi realizado um concerto de inauguração do piano dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções, onde ficará instalado e deverá ser usado por pianistas para concertos e também em outros eventos da área da música que demandem o uso do instrumento.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Piano Steinway & Sons instalado no Centro de Convenções da UFSM

Fotografia de Mariana Flores.
O Piano de cauda da marca Steinway & Sons, modelo D (tamanho do piano: 2,74 m de comprimento), instalado no Centro de Convenções, foi entregue à UFSM no mês de Abril de 2017. Os pianos da marca Steinway & Sons são fabricados nos Estados Unidos e não possuem componentes plásticos, tendo 85% de sua composição em madeira. Foi realizado um concerto de inauguração do piano dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções, onde ficará instalado e deverá ser usado por pianistas para concertos e também em outros eventos da área da música que demandem o uso do instrumento.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Piano Steinway & Sons instalado no Centro de Convenções da UFSM

Fotografia de Mariana Flores.
O Piano de cauda da marca Steinway & Sons, modelo D (tamanho do piano: 2,74 m de comprimento), instalado no Centro de Convenções, foi entregue à UFSM no mês de Abril de 2017. Os pianos da marca Steinway & Sons são fabricados nos Estados Unidos e não possuem componentes plásticos, tendo 85% de sua composição em madeira. Foi realizado um concerto de inauguração do piano dia 05 de julho de 2017 no Centro de Convenções, onde ficará instalado e deverá ser usado por pianistas para concertos e também em outros eventos da área da música que demandem o uso do instrumento.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Momento Musical

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Apresentação de trombone e tuba, trabalho desenvolvido pelo grupo “RS BONES” do projeto Momento Musical, sob a orientação do professor Diego Ramires da Silva Leite, no hall da Administração Central da UFSM. Momento Musical é um projeto de extensão do Curso de Música da UFSM, que como objetivo principal oferece aos alunos do curso a oportunidade de se apresentarem para os seus professores, colegas e a comunidade em geral.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Momento Musical

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Apresentação de trombone e tuba, trabalho desenvolvido pelo grupo “RS BONES” do projeto Momento Musical, sob a orientação do professor Diego Ramires da Silva Leite, no hall da Administração Central da UFSM. Momento Musical é um projeto de extensão do Curso de Música da UFSM, que como objetivo principal oferece aos alunos do curso a oportunidade de se apresentarem para os seus professores, colegas e a comunidade em geral.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Momento Musical

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Apresentação de trombone e tuba, trabalho desenvolvido pelo grupo “RS BONES” do projeto Momento Musical, sob a orientação do professor Diego Ramires da Silva Leite, no hall da Administração Central da UFSM. Momento Musical é um projeto de extensão do Curso de Música da UFSM, que como objetivo principal oferece aos alunos do curso a oportunidade de se apresentarem para os seus professores, colegas e a comunidade em geral.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Momento Musical

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Apresentação de trombone e tuba, trabalho desenvolvido pelo grupo “RS BONES” do projeto Momento Musical, sob a orientação do professor Diego Ramires da Silva Leite, no hall da Administração Central da UFSM. Momento Musical é um projeto de extensão do Curso de Música da UFSM, que como objetivo principal oferece aos alunos do curso a oportunidade de se apresentarem para os seus professores, colegas e a comunidade em geral.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Momento Musical

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Apresentação de trombone e tuba, trabalho desenvolvido pelo grupo “RS BONES” do projeto Momento Musical, sob a orientação do professor Diego Ramires da Silva Leite, no hall da Administração Central da UFSM. Momento Musical é um projeto de extensão do Curso de Música da UFSM, que como objetivo principal oferece aos alunos do curso a oportunidade de se apresentarem para os seus professores, colegas e a comunidade em geral.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Momento Musical

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Apresentação de trombone e tuba, trabalho desenvolvido pelo grupo “RS BONES” do projeto Momento Musical, sob a orientação do professor Diego Ramires da Silva Leite, no hall da Administração Central da UFSM. Momento Musical é um projeto de extensão do Curso de Música da UFSM, que como objetivo principal oferece aos alunos do curso a oportunidade de se apresentarem para os seus professores, colegas e a comunidade em geral.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Momento Musical

Fotografia de Mirian Redin de Quadros.
Apresentação de trombone e tuba, trabalho desenvolvido pelo grupo “RS BONES” do projeto Momento Musical, sob a orientação do professor Diego Ramires da Silva Leite, no hall da Administração Central da UFSM. Momento Musical é um projeto de extensão do Curso de Música da UFSM, que como objetivo principal oferece aos alunos do curso a oportunidade de se apresentarem para os seus professores, colegas e a comunidade em geral.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Results 151 to 200 of 659