Showing 588 results

Archival description
Universidade Federal de Santa Maria Pró-Reitoria de Administração (PRA)
Print preview View:

588 results with digital objects Show results with digital objects

Gravação de Vídeos em Libras do Projeto Retalhos da Memória de Santa Maria

Fotografia de Daiane Segabinazzi Preadebon.
O Projeto Retalhos da Memória de Santa Maria: Difusão e Acessibilidade, foi um projeto de extensão coordenado pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral da UFSM e suas ações aconteceram de julho de 2015 a julho de 2020. Seu objetivo foi promover a difusão do acervo fotográfico da UFSM com acessibilidade. Uma das ações foi a gravação dos artigos em Libras pelos Tradutores Intérpretes de Linguagem de Sinais do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais da UFSM, gravações estas realizadas no estúdio do Núcleo de Tecnologia Educacional com editoração de Ronaldo Palma.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Projeto Digitalização e Descrição de negativos fotográficos

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
O acervo fotográfico da UFSM é constituído de mais de 85000 negativos fotográficos produzidos pelos fotógrafos institucionais 1959 a 2002. O projeto de digitalização iniciou em 2012 pelo Departamento de Arquivo Geral com objetivo de descrever as imagens e publicá-la na web. Em 2019 para melhorar a qualidade e agilizar o processo, foi adquirido novo equipamento, o scanner Epson Perfection V9—Photo.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita de representantes do Museu Histórico de Vale Vêneto ao DAG

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Representantes do Museu Histórico de Vale Vêneto visitaram o Arquivo Fotográfico do Departamento de Arquivo Geral (DAG) da UFSM, com o objetivo de trocar informações com a arquivista para a organização do acervo pessoal de fotografias do Padre Clementino Marcuzzo, que possui aproximadamente 5 mil imagens positivas.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Aquece Inclusivo para a 46º Feira do Livro de Santa Maria

O evento Aquece Inclusivo foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria, promovido pelo GT Centro/RS de Leitura Inclusiva com a participação de Angelita Garcia, representante da Fundação Dorina Nowill para Cegos de São Paulo. Antes do Aquece foi realizada uma reunião na Associação de Cegos e Deficientes Visuais (ACDV sobre leitura inclusiva. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Aquece Inclusivo para a 46º Feira do Livro de Santa Maria

O evento Aquece Inclusivo foi realizado na Biblioteca Pública Municipal Henrique Bastide como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria, promovido pelo GT Centro/RS de Leitura Inclusiva. Inclusiva com a participação de Angelita Garcia, representante da Fundação Dorina Nowill para Cegos de São Paulo. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Aquece Inclusivo para a 46º Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Cristina Strohschoen dos Santos.
O evento Aquece Inclusivo foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria, promovido pelo GT Centro/RS de Leitura Inclusiva com a participação de Angelita Garcia, representante da Fundação Dorina Nowill para Cegos de São Paulo. Antes do Aquece foi realizada uma reunião na Associação de Cegos e Deficientes Visuais (ACDV sobre leitura inclusiva. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Aquece Inclusivo para a 46º Feira do Livro de Santa Maria

O evento Aquece Inclusivo foi realizado na Biblioteca Pública Municipal Henrique Bastide como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria, promovido pelo GT Centro/RS de Leitura Inclusiva. Inclusiva com a participação de Angelita Garcia, representante da Fundação Dorina Nowill para Cegos de São Paulo. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Aquece Inclusivo para a 46º Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Cristina Strohschoen dos Santos.
O evento Aquece Inclusivo foi realizado na Biblioteca Pública Municipal Henrique Bastide como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria, promovido pelo GT Centro/RS de Leitura Inclusiva. Inclusiva com a participação de Angelita Garcia, representante da Fundação Dorina Nowill para Cegos de São Paulo. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Aquece Inclusivo para a 46º Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Cristina Strohschoen dos Santos.
O evento Aquece Inclusivo foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria, promovido pelo GT Centro/RS de Leitura Inclusiva com a participação de Angelita Garcia, representante da Fundação Dorina Nowill para Cegos de São Paulo. Antes do Aquece foi realizada uma reunião na Associação de Cegos e Deficientes Visuais (ACDV sobre leitura inclusiva. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual na 46ª Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Vitória Rodrigues.
O evento Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria. Os promotores foram o GT Centro RS de Leitura Inclusiva, a Associação de Cegos e Deficientes Visuais de Santa Maria (ACDV), Secretaria Municipal de Educação (SMED), Projeto Cegueira e Baixa Visão UFSM e o Núcleo de Acessibilidade UFSM. Daverlan Dalla Lanna e Arlete Priscila Costa da Rosa, ambos deficientes visuais, contaram as histórias “O menino que via com as mãos” e “Abraço de urso”. Após, Marli Schimdt, professora e presidente da ACDV, explicou por quem foi criada a linguagem em braille e as suas utilizações nos dias de hoje. Estiveram presentes as escolas Pão dos Pobres, Adelmo Simas Genro e Maria de Lourdes Castro, além do público em geral. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual na 46ª Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Cristina Strohschoen dos Santos.
O evento Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria. Os promotores foram o GT Centro RS de Leitura Inclusiva, a Associação de Cegos e Deficientes Visuais de Santa Maria (ACDV), Secretaria Municipal de Educação (SMED), Projeto Cegueira e Baixa Visão UFSM e o Núcleo de Acessibilidade UFSM. Daverlan Dalla Lanna e Arlete Priscila Costa da Rosa, ambos deficientes visuais, contaram as histórias “O menino que via com as mãos” e “Abraço de urso”. Após, Marli Schimdt, professora e presidente da ACDV, explicou por quem foi criada a linguagem em braille e as suas utilizações nos dias de hoje. Estiveram presentes as escolas Pão dos Pobres, Adelmo Simas Genro e Maria de Lourdes Castro, além do público em geral. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual na 46ª Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Cristina Strohschoen dos Santos.
O evento Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria. Os promotores foram o GT Centro RS de Leitura Inclusiva, a Associação de Cegos e Deficientes Visuais de Santa Maria (ACDV), Secretaria Municipal de Educação (SMED), Projeto Cegueira e Baixa Visão UFSM e o Núcleo de Acessibilidade UFSM. Daverlan Dalla Lanna e Arlete Priscila Costa da Rosa, ambos deficientes visuais, contaram as histórias “O menino que via com as mãos” e “Abraço de urso”. Após, Marli Schimdt, professora e presidente da ACDV, explicou por quem foi criada a linguagem em braille e as suas utilizações nos dias de hoje. Estiveram presentes as escolas Pão dos Pobres, Adelmo Simas Genro e Maria de Lourdes Castro, além do público em geral. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual na 46ª Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Cristina Strohschoen dos Santos.
O evento Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria. Os promotores foram o GT Centro RS de Leitura Inclusiva, a Associação de Cegos e Deficientes Visuais de Santa Maria (ACDV), Secretaria Municipal de Educação (SMED), Projeto Cegueira e Baixa Visão UFSM e o Núcleo de Acessibilidade UFSM. Daverlan Dalla Lanna e Arlete Priscila Costa da Rosa, ambos deficientes visuais, contaram as histórias “O menino que via com as mãos” e “Abraço de urso”. Após, Marli Schimdt, professora e presidente da ACDV, explicou por quem foi criada a linguagem em braille e as suas utilizações nos dias de hoje. Estiveram presentes as escolas Pão dos Pobres, Adelmo Simas Genro e Maria de Lourdes Castro, além do público em geral. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual na 46ª Feira do Livro de Santa Maria

Fotografia de Cristina Strohschoen dos Santos.
O evento Leitura Inclusiva: Pessoas com Deficiência Visual foi realizado como parte da programação de leitura inclusiva da 46ª Feira do Livro de Santa Maria. Os promotores foram o GT Centro RS de Leitura Inclusiva, a Associação de Cegos e Deficientes Visuais de Santa Maria (ACDV), Secretaria Municipal de Educação (SMED), Projeto Cegueira e Baixa Visão UFSM e o Núcleo de Acessibilidade UFSM. Daverlan Dalla Lanna e Arlete Priscila Costa da Rosa, ambos deficientes visuais, contaram as histórias “O menino que via com as mãos” e “Abraço de urso”. Após, Marli Schimdt, professora e presidente da ACDV, explicou por quem foi criada a linguagem em braille e as suas utilizações nos dias de hoje. Estiveram presentes as escolas Pão dos Pobres, Adelmo Simas Genro e Maria de Lourdes Castro, além do público em geral. Cristian Evandro Sehnem do Núcleo de Acessibilidade e Cristina Strohschoen dos Santos do Departamento de Arquivo Geral são os representantes da UFSM na Rede de Leitura Inclusiva.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Gincana Fotográfica SNA

Fotografia de Marcos Machado Paulo.
Dia 03 de junho de 2019 foi realizada uma gincana fotográfica com 51 alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Rafael Iop localizada em Valê Vêneto, 2º distrito de São João do Polêsine. A atividade foi promovida pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria na 3ª Semana Nacional de Arquivos. A atividade consistiu em uma gincana com fotografias do acervo arquivístico da UFSM – imagens do Festival Internacional de Inverno produzidas pela Agência de Notícias da Coordenadoria de Comunicação Social da UFSM de 1986 a 1997; além de fotografias da Revista Arco de 2015 produzidas por Rafael Happke. As equipes vencedoras receberam brindes que foram patrocinados pela Eny Calçados e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFSM. A atividade foi coordenada pela arquivista Cristina Strohschoen dos Santos e os bolsistas e acadêmicos de Arquivologia Danielle Godoy Espíndola e Marcos Machado Paulo. Também colaborou a Mestre em Patrimônio Cultural Jacinta Vizzotto, diretora técnica do Museu do Imigrante Italiano Eduardo Marcuzzo (MIEM) de Vale Vêneto e Ana Lucia Pivetta.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Curso Básico de Audiodescrição

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
O Curso Básico de Audiodescrição foi realizado de 03 a 07 de junho, no auditório do prédio 21 da Cidade Universitária UFSM. O curso foi promovido pela Comissão de Audiodescrição do Núcleo de Acessibilidade da Coordenadoria de Ações Educacionais (CAED) e a equipe organizadora foi composta por integrantes da Comissão de Audiodescrição da UFSM: Cristian Evandro Sehnem, Cristina Strohschoen dos Santos (arquivista do DAG), Fernanda Taschetto, Josefa Lidia Costa Pereira, além das bolsistas Cíntia Pasa Lopes e Vitória Rodrigues no apoio técnico. O seu conteúdo teórico abordou os tipos de audiodescrição (imagens estáticas e dinâmicas), as barreiras atitudinais, normas técnicas da ABNT, profissionais Roteirista e Consultor em audiodescrição, modos de publicação acessível, princípio inclusivo da audiodescrição e principais leis brasileiras pertinentes. Além disso, foram realizados inúmeros exercícios práticos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Visita do Colégio Estadual Coronel Pilar a Exposição Memória na Pista

Fotografia de Katia Suelem Moreira.
Dia 05 de junho de 2019 sete alunos da professora Rejane Feltrin e acompanhantes do Colégio Estadual Coronel Pilar realizou a Caminhada Inclusiva na Exposição Memória na Pista na Cidade Universitária UFSM. Marcos Machado Paulo, Educador Especial e acadêmico de Arquivologia e João Batista Motozo Carvalho foram os monitores. O objetivo foi promover uma pequena ação de acessibilidade na programação do DAG na 3ª Semana Nacional de Arquivos.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental

Fotografia de Eduardo Miranda de Souza.
Dia 06 de junho de 2019 foi realizado o Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental no Salão Imembuí, prédio da Administração Central da Cidade Universitária UFSM. O Simpósio foi promovido pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria como evento integrante da 3ª Semana Nacional de Arquivos. O evento contou com a intervenção cultural de Ismael Neves, acadêmico do Curso de Música da UFSM e bolsista da Oficina de Canto e Técnica Vocal – Laboratório de Educação Musical do Centro de Educação da UFSM; um fragmento do Espetáculo Som e Luz em Corpos, do Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), do Curso de Dança Licenciatura da UFSM, com direção de Odailso Berté e coreografia de Crystian Castro e Mônica Borba, tendo como dnaçarinos Crystian Castro, Samara Schmidt, Estela de Mesquita, Maria Clara Mariani, Naylana Ferreira, Luiza Barbosa, Valéria Fraga e Henrique Soares, Robson da Cruz e Jaqueline Molossi; palestra sob o título Patrimônio Documental, Arquivos e Pesquisa, foi proferida pelo Professor Doutor Darlan de Mamann Marchi, do Programa de Pós-Graduação Memória Social e Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Pelotas e palestra, sob o título Comunicação Patrimônio Cultural e Turismo, foi proferida pela Professora Doutora Monica Elisa Pons, do Programa de Pós-Graduação em Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Santa Maria. Estiveram presentes ao evento, além de José Carlos Segalla, Pró-Reitor de Administração; Luciano Schuch, Vice-Reitor da UFSM, Marta Zanella, Secretária de Município de Cultura, Esporte e Lazer, representando o Prefeito de Santa Maria; Flavi Ferreira Lisboa Filho, Pró-Reitor de Extensão; Marilice Daronco, da Coordenadoria de Comunicação e Marketing da Eny Calçados representando Guido Cechella Isaia e Carina Bohnert, da Assessoria de Comunicação e Marketing do Colégio Metodista Centenário representando o diretor Walter Chalegre da Silva. Os mimos aos palestrantes foram ofertados pela Coordenadoria de Ações Educacionais e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, e o coffe-break foi patrocinado pela Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul (AARS).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental

Fotografia de Eduardo Miranda de Souza.
Dia 06 de junho de 2019 foi realizado o Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental no Salão Imembuí, prédio da Administração Central da Cidade Universitária UFSM. O Simpósio foi promovido pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria como evento integrante da 3ª Semana Nacional de Arquivos. O evento contou com a intervenção cultural de Ismael Neves, acadêmico do Curso de Música da UFSM e bolsista da Oficina de Canto e Técnica Vocal – Laboratório de Educação Musical do Centro de Educação da UFSM; um fragmento do Espetáculo Som e Luz em Corpos, do Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), do Curso de Dança Licenciatura da UFSM, com direção de Odailso Berté e coreografia de Crystian Castro e Mônica Borba, tendo como dnaçarinos Crystian Castro, Samara Schmidt, Estela de Mesquita, Maria Clara Mariani, Naylana Ferreira, Luiza Barbosa, Valéria Fraga e Henrique Soares, Robson da Cruz e Jaqueline Molossi; palestra sob o título Patrimônio Documental, Arquivos e Pesquisa, foi proferida pelo Professor Doutor Darlan de Mamann Marchi, do Programa de Pós-Graduação Memória Social e Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Pelotas e palestra, sob o título Comunicação Patrimônio Cultural e Turismo, foi proferida pela Professora Doutora Monica Elisa Pons, do Programa de Pós-Graduação em Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Santa Maria. Estiveram presentes ao evento, além de José Carlos Segalla, Pró-Reitor de Administração; Luciano Schuch, Vice-Reitor da UFSM, Marta Zanella, Secretária de Município de Cultura, Esporte e Lazer, representando o Prefeito de Santa Maria; Flavi Ferreira Lisboa Filho, Pró-Reitor de Extensão; Marilice Daronco, da Coordenadoria de Comunicação e Marketing da Eny Calçados representando Guido Cechella Isaia e Carina Bohnert, da Assessoria de Comunicação e Marketing do Colégio Metodista Centenário representando o diretor Walter Chalegre da Silva. Os mimos aos palestrantes foram ofertados pela Coordenadoria de Ações Educacionais e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, e o coffe-break foi patrocinado pela Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul (AARS).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental

Eduardo Miranda de Souza.
Dia 06 de junho de 2019 foi realizado o Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental no Salão Imembuí, prédio da Administração Central da Cidade Universitária UFSM. O Simpósio foi promovido pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria como evento integrante da 3ª Semana Nacional de Arquivos. O evento contou com a intervenção cultural de Ismael Neves, acadêmico do Curso de Música da UFSM e bolsista da Oficina de Canto e Técnica Vocal – Laboratório de Educação Musical do Centro de Educação da UFSM; um fragmento do Espetáculo Som e Luz em Corpos, do Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), do Curso de Dança Licenciatura da UFSM, com direção de Odailso Berté e coreografia de Crystian Castro e Mônica Borba, tendo como dnaçarinos Crystian Castro, Samara Schmidt, Estela de Mesquita, Maria Clara Mariani, Naylana Ferreira, Luiza Barbosa, Valéria Fraga e Henrique Soares, Robson da Cruz e Jaqueline Molossi; palestra sob o título Patrimônio Documental, Arquivos e Pesquisa, foi proferida pelo Professor Doutor Darlan de Mamann Marchi, do Programa de Pós-Graduação Memória Social e Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Pelotas e palestra, sob o título Comunicação Patrimônio Cultural e Turismo, foi proferida pela Professora Doutora Monica Elisa Pons, do Programa de Pós-Graduação em Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Santa Maria. Estiveram presentes ao evento, além de José Carlos Segalla, Pró-Reitor de Administração; Luciano Schuch, Vice-Reitor da UFSM, Marta Zanella, Secretária de Município de Cultura, Esporte e Lazer, representando o Prefeito de Santa Maria; Flavi Ferreira Lisboa Filho, Pró-Reitor de Extensão; Marilice Daronco, da Coordenadoria de Comunicação e Marketing da Eny Calçados representando Guido Cechella Isaia e Carina Bohnert, da Assessoria de Comunicação e Marketing do Colégio Metodista Centenário representando o diretor Walter Chalegre da Silva. Os mimos aos palestrantes foram ofertados pela Coordenadoria de Ações Educacionais e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, e o coffe-break foi patrocinado pela Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul (AARS).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental

Fotografia de Eduardo Miranda de Souza.
Dia 06 de junho de 2019 foi realizado o Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental no Salão Imembuí, prédio da Administração Central da Cidade Universitária UFSM. O Simpósio foi promovido pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria como evento integrante da 3ª Semana Nacional de Arquivos. O evento contou com a intervenção cultural de Ismael Neves, acadêmico do Curso de Música da UFSM e bolsista da Oficina de Canto e Técnica Vocal – Laboratório de Educação Musical do Centro de Educação da UFSM; um fragmento do Espetáculo Som e Luz em Corpos, do Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), do Curso de Dança Licenciatura da UFSM, com direção de Odailso Berté e coreografia de Crystian Castro e Mônica Borba, tendo como dnaçarinos Crystian Castro, Samara Schmidt, Estela de Mesquita, Maria Clara Mariani, Naylana Ferreira, Luiza Barbosa, Valéria Fraga e Henrique Soares, Robson da Cruz e Jaqueline Molossi; palestra sob o título Patrimônio Documental, Arquivos e Pesquisa, foi proferida pelo Professor Doutor Darlan de Mamann Marchi, do Programa de Pós-Graduação Memória Social e Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Pelotas e palestra, sob o título Comunicação Patrimônio Cultural e Turismo, foi proferida pela Professora Doutora Monica Elisa Pons, do Programa de Pós-Graduação em Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Santa Maria. Estiveram presentes ao evento, além de José Carlos Segalla, Pró-Reitor de Administração; Luciano Schuch, Vice-Reitor da UFSM, Marta Zanella, Secretária de Município de Cultura, Esporte e Lazer, representando o Prefeito de Santa Maria; Flavi Ferreira Lisboa Filho, Pró-Reitor de Extensão; Marilice Daronco, da Coordenadoria de Comunicação e Marketing da Eny Calçados representando Guido Cechella Isaia e Carina Bohnert, da Assessoria de Comunicação e Marketing do Colégio Metodista Centenário representando o diretor Walter Chalegre da Silva. Os mimos aos palestrantes foram ofertados pela Coordenadoria de Ações Educacionais e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, e o coffe-break foi patrocinado pela Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul (AARS).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental

Eduardo Miranda de Souza.
Dia 06 de junho de 2019 foi realizado o Simpósio Patrimônio Cultural e Patrimônio Documental no Salão Imembuí, prédio da Administração Central da Cidade Universitária UFSM. O Simpósio foi promovido pelo Departamento de Arquivo Geral da Universidade Federal de Santa Maria como evento integrante da 3ª Semana Nacional de Arquivos. O evento contou com a intervenção cultural de Ismael Neves, acadêmico do Curso de Música da UFSM e bolsista da Oficina de Canto e Técnica Vocal – Laboratório de Educação Musical do Centro de Educação da UFSM; um fragmento do Espetáculo Som e Luz em Corpos, do Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), do Curso de Dança Licenciatura da UFSM, com direção de Odailso Berté e coreografia de Crystian Castro e Mônica Borba, tendo como dnaçarinos Crystian Castro, Samara Schmidt, Estela de Mesquita, Maria Clara Mariani, Naylana Ferreira, Luiza Barbosa, Valéria Fraga e Henrique Soares, Robson da Cruz e Jaqueline Molossi; palestra sob o título Patrimônio Documental, Arquivos e Pesquisa, foi proferida pelo Professor Doutor Darlan de Mamann Marchi, do Programa de Pós-Graduação Memória Social e Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Pelotas e palestra, sob o título Comunicação Patrimônio Cultural e Turismo, foi proferida pela Professora Doutora Monica Elisa Pons, do Programa de Pós-Graduação em Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Santa Maria. Estiveram presentes ao evento, além de José Carlos Segalla, Pró-Reitor de Administração; Luciano Schuch, Vice-Reitor da UFSM, Marta Zanella, Secretária de Município de Cultura, Esporte e Lazer, representando o Prefeito de Santa Maria; Flavi Ferreira Lisboa Filho, Pró-Reitor de Extensão; Marilice Daronco, da Coordenadoria de Comunicação e Marketing da Eny Calçados representando Guido Cechella Isaia e Carina Bohnert, da Assessoria de Comunicação e Marketing do Colégio Metodista Centenário representando o diretor Walter Chalegre da Silva. Os mimos aos palestrantes foram ofertados pela Coordenadoria de Ações Educacionais e Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, e o coffe-break foi patrocinado pela Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul (AARS).

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Results 1 to 50 of 588