CEFD - Centro de Educação Física e Desportos – Prédio 51

Taxonomia

Código

Nota(s) de âmbito

Nota(s) da fonte

Mostrar nota(s)

Termos hierárquicos

CEFD - Centro de Educação Física e Desportos – Prédio 51

Termos equivalentes

CEFD - Centro de Educação Física e Desportos – Prédio 51

Termos associados

CEFD - Centro de Educação Física e Desportos – Prédio 51

182 Descrição arquivística resultados para CEFD - Centro de Educação Física e Desportos – Prédio 51

182 resultados diretamente relacionados Excluir termos específicos

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

10º Acampavida

Fotógrafo desconhecido.
O 10º Acampavida realizado pela na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorreu de 14 a 16 de novembro de 2008.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones

Fotografia de Victória Lopes Rosa.
O 1º Encontro Brasileiro de Jogos Tradicionais e Autóctones ocorreu entre os dias 27 e 28 de outubro de 2017, organizado pelo Centro de Educação Física e Desportos (CEFD), com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (PRE) e da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan). O objetivo do encontro foi valorizar e ativar o legado cultural, bem como desenvolver a sensibilidade e o envolvimento do público, por meio da visibilidade, da produção e da disseminação dos jogos autóctones. O evento contou com apresentação tradicionalista do DTG Noel Guarany, palestra "Jogos Tradicionais e História Indígena no Brasil" com o professor José Ronaldo Mendonça, antropólogo e docente do Departamento de História da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), palestra “Jogos Tradicionais como escola de vida brincante” com o professor Pierre Normando Gomes, do Departamento de Educação Física da Paraíba, aluno depós-doutorado em Educação Física da UFSM e exposição de jogos tradicionais, artesanatos, livros, fotos e banners sobre manifestações da cultura lúdica tradicional e autóctone do Brasil.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

9º Mercomovimento Congresso Internacional

Fotógrafo desconhecido.
O evento ocorreu de 30 de outubro a 02 de novembro de 2008, no Centro de Educação Física e Desportos (CEFD) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Este evento ocorre anualmente e conta com a apresentação de trabalhos científicos, atividades sociais, feira de materiais, equipamentos esportivos e fisioterápicos, cursos e workout de academias. Seu público-alvo são profissionais e estudantes de educação física, fisioterapia, pedagogia, dança, terapia ocupacional e massoterapia.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

9º Mercomovimento Congresso Internacional

Fotógrafo desconhecido.
O evento ocorreu de 30 de outubro a 02 de novembro de 2008, no Centro de Educação Física e Desportos (CEFD) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Este evento ocorre anualmente e conta com a apresentação de trabalhos científicos, atividades sociais, feira de materiais, equipamentos esportivos e fisioterápicos, cursos e workout de academias. Seu público-alvo são profissionais e estudantes de educação física, fisioterapia, pedagogia, dança, terapia ocupacional e massoterapia.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

9º Mercomovimento Congresso Internacional

Fotógrafo desconhecido.
O evento ocorreu de 30 de outubro a 02 de novembro de 2008, no Centro de Educação Física e Desportos (CEFD) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Este evento ocorre anualmente e conta com a apresentação de trabalhos científicos, atividades sociais, feira de materiais, equipamentos esportivos e fisioterápicos, cursos e workout de academias. Seu público-alvo são profissionais e estudantes de educação física, fisioterapia, pedagogia, dança, terapia ocupacional e massoterapia.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

9º Mercomovimento Congresso Internacional

Fotógrafo desconhecido.
O evento ocorreu de 30 de outubro a 02 de novembro de 2008, no Centro de Educação Física e Desportos (CEFD) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Este evento ocorre anualmente e conta com a apresentação de trabalhos científicos, atividades sociais, feira de materiais, equipamentos esportivos e fisioterápicos, cursos e workout de academias. Seu público-alvo são profissionais e estudantes de educação física, fisioterapia, pedagogia, dança, terapia ocupacional e massoterapia.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (Brasil)

Resultados 1 a 50 de 182