Associação Santamariense Pró-Ensino Superior (ASPES)

Área de identificação

tipo de entidade

Entidade coletiva

Forma autorizada do nome

Associação Santamariense Pró-Ensino Superior (ASPES)

Forma(s) paralela(s) de nome

Forma normalizada do nome de acordo com outras regras

Outra(s) forma(s) do nome

identificadores para entidades coletivas

Área de descrição

datas de existência

03-1948/1962

história

A Associação Santamariense Pró-Ensino Superior (ASPES) teve início no ano de 1948 a partir de uma reunião onde se encontravam José Mariano da Rocha Filho, o prefeito da cidade, presidente da câmara de vereadores, bispos, etc. Além de contar com o apoio de integrantes do movimento de criação da Faculdade de Ciências Políticas e Econômicas de Santa Maria. O objetivo era a construção de um incentivo ao crescimento do ensino superior em Santa Maria. José Mariano da Rocha Filho foi o primeiro presidente da associação.
Dentre os feitos da ASPES incluem-se a construção de uma olaria para obra do Centro Politécnico, de uma serralheria e uma marcenaria, importação de máquinas de gráfica da Alemanha, doação dos primeiros transportes internos e a criação de uma pedreira.
Após a criação da Universidade de Santa Maria, em 1962, a ASPES tornou-se a FUNDAE (Fundação Educacional e Cultural para o Desenvolvimento e Aperfeiçoamento da Educação e da Cultura).

Locais

status legal

funções, ocupações e atividades

Mandatos/Fontes de autoridade

Estruturas internas/genealogia

contexto geral

Área de relacionamento

Área de controle

Identificador do registo de autoridade

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Estatuto

Nível de detalhe

Datas de criação, revisão ou eliminação

Línguas e escritas

Script(s)

Fontes

ISAIA, Luiz Gonzaga. Criação da Associação Santamariense Pró-Ensino Superior (ASPES). In: UFSM: Memórias. Santa Maria: Editora Palotti, 2006. p. 29-31.

Notas de manutenção